terça-feira, 15 de novembro de 2016

Vai ter Rap Universitário Sim !!! por Guilo MC


Desculpe o transtorno, vamos falar de uma entrevista do Hungria em que ele se autodenomina Rapper Universitário.

Ok, não tem estatuto no rap todos deveríamos saber e além do mais quem sou eu pra descriminar.

Renan Inquérito: Rapper, escritor e professor.


























A única lei que deveria ser seguida no rap é a lei da empatia pelas causas do próximo, mais isso renderia outro texto e para não estender está coluna vamos direto ao ponto.

Rap Universitário (sem demonizar a palavra) Pra mim é:
* Criolo que me ensinou quem era Foucault.
* Eduardo que me ensinou quem era Karl Marx e Engels.
(Foucault se baseou em Marx assim como Criolo em Facção Central)

*Rap Universitário pra mim é Racionais que me ensinou quem era Marighella
*Rap universitário é o meu que cita, Lamarca, Angela Davis e Kaitlyn Neal Cleaver.
*Emicida, que despertou minha curiosidade por Sun Tzu
*Oriente nas antigas que me fez descobrir quem era Confúcio
*X da questão, DMN, Slim Rimografia, Alafia, Tassia Reis que me fizeram ter ainda mais orgulho da minha raça
*Rap Universitário é Barbara Sweet que me ensinou a ter mais empatia pela causa feminista
*Rap Universitário é Issa Paz e Sara Donato me ensinaram que o índice de massa cerebral é muito mais importante que o de massa corpórea.
*Rap Universitário é Dö Mc e Marcello Gugu que desenvolvem projeto com as crianças que mais precisam na Fundação Casa.
*Rap universitário é Don L, Rapadura e Baco Exu do Blues que mostram que o rap é extremamente rico do Sudeste pra cima.
*Rap Universitario é Rico Dalassam e Gloria Groove que ensina tanto a nova quanto a velha escola sobre questão de genero.
*Rap Universitário é Kamau que cursou matemática
*Renan do Inquérito que é professor de Geografia e escritor
*Rap Universitário é Sabotage que já falava do ebola 10 anos antes de virar epidemia mundial
*Rap Universitário pra mim é Dina Di que provou em marcas da adolescência que nem precisa citar filósofos ou ser graduado pra entender que a maior universidade é a vida.
Rap é uma universidade sim, uma universidade mais humanizada e muito mais inclusiva que as tradicionais!
Opinião por

Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top