sexta-feira, 5 de julho de 2019

Encontro Preto fomenta empreendedorismo e consumo diferenciado (Rio de Janeiro)


Evento promove empreendedorismo local e é ótima opção para decoração e presentes

Quer colaborar com dezenas de afroempreendedores e adquirir peças artesanais que promovem o consumo consciente? Então, você precisa conhecer o Encontro Preto, o evento, que acontece há quatro anos na Lapa, é uma iniciativa de um coletivo de artesãos cariocas, que já rodarão outros estados com suas criações únicas que aliam beleza e ancestralidade. Nesta edição, será possível fazer tatuagens com temática negra por preços especiais. O evento ocorre neste sábado, das 13h às 21h.

Na feira, opções não faltam, tem para todos os gostos: Semijoias artesanais, produtos cosméticos naturais, moda, brechó, livraria, produtos para o lar e até para crianças e adolescentes, com itens como turbantes, bonecas e brinquedos.

Nesta edição, os expositores serão O Alquimista de Chad; Mundo Quixotesca; Tendência Black; Makebas Brechó; Crioula Criativa; Nzinga; Negrita Modas; Mali Modas; Uzuri; Livraria Nombeko; Alquimias de Cura; Modash; Pretattoo e Carolinam Acessórios. Também será possível participar de oficinas de turbantes às 17h e 19h, além de conferir a intervenção artística feita pelo coletivo Poetas Vivos. 

“Os visitantes do Encontro Preto vão encontrar produtos feitos em pequena escala e até mesmo exclusivos. De mínimo impacto ambiental e diretamente com o produtor. Não há melhor forma de adquirir e presentear”, afirma Cíntia Pereira, da Tendência Black, uma das responsáveis pelo evento.

Desde 2015, o Encontro Preto funcionava no IPDH (Instituto Palmares de Desenvolvimento Humano), mas foi desapropriado no início deste ano, sem aviso prévio. A feira ocorre momentaneamente em outro espaço, enquanto aguarda a reapropriação do IPDH, mas até o momento não recebeu nenhuma resposta dos órgãos competentes.


O espaço do IPDH sofreu um incêndio em 2010, em que perdeu parte do telhado e toda instalação elétrica e hidráulica. O Encontro Preto é um evento que acontecia mensalmente no local, e todo valor arrecadado com taxas e vendas de alimentações era utilizado para reforma do espaço. Espaço esse de resistência, que dava a possibilidade de troca com pretos empreendedores, permitindo bons negócios e todo afeto entre nossa comunidade preta.

Serviço

O evento ocorre neste sábado, das 13h às 21h, momentaneamente no Centro de Teatro do Oprimido (Avenida Mem de Sá 31, ao lado do IPDH, em frente aos Arcos da Lapa).

Conteúdo produzido por Agência IS

Nenhum comentário:

Postar um comentário