segunda-feira, 18 de maio de 2020

Cheio de trocadilhos e ironias, Artelheiro Maximo lança o som "Máscaras"


Carregada de trocadilhos e ironia, a faixa "Máscaras" de Artelheiro Maximo foi lançada pelo selo ArtelhariaTV no Youtube. O artista propõe uma analogia entre as máscaras de proteção contra a Covid-19 e as máscaras invisíveis usadas viciosamente por nossa sociedade, muitas vezes de modo inescrupuloso em busca de status ou luxo. Há ainda, uma abordagem sutil sobre a maneira que a alta casta trata os menos privilegiados como se fossem doenças, por medo de perderem o controle das regras do "jogo". Em "Máscaras", Maximo assume, essa capa de doença, mais precisamente um vírus do sistema burguês, vírus esse que se vale da subestimação e invisibilização de seus movimentos e de si próprio para corroer o sistema operacional aristocrata. A faixa é acompanhada de um lyric vídeo, também produzido pelo artista, para melhor compreensão da mensagem. 

A imagem predominante do lyric vídeo é justamente a de Artelheiro Maximo em seu ambiente de trabalho, o trem. Como bem sugere seu username no Instagram - @maximodotrem. Maximo há aproximadamente 2 anos leva suas rimas de improviso pelos vagões de São Paulo, sendo esse fato aliás, o tema de seu segundo EP, ainda em produção.

Ouça:

Nenhum comentário:

Postar um comentário