quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Emicida - Das ruas da norte, um novo rumo pro rap

"Liberdade é responsabilidade, é você fazer a sua sem zoar a do outro"

Isso ainda não havia acontecido desta forma por aqui. Antes mesmo de lançar seu primeiro trabalho oficial, o jovem Leandro Roque de Oliveira já é reconhecido como um dos principais MCs da nova geração. Emicida é um exemplo concreto de como o foco e a dedicação podem levar o mais desacreditado ser humano a caminhos antes inimagináveis. Ele demorou a aparecer porque estava…estudando. O bicho-grilo da infância (segundo suas próprias palavras) passou um bom tempo trancado no quarto estudando, lendo, escutando e aprendendo sobre aquilo que mais gostava de fazer desde cedo: rap. Hoje, recém-chegado na cena, ele já conquistou o respeito e o carinho de milhares de pessoas, hoje seus fãs, além do reconhecimento de boa parte da geração de rappers que o precedeu.

Apesar de em alguns momentos ‘rejeitar’ a fama conquistada pela internet, Emicida reconhece que a tecnologia – em especial o YouTube – funcionou como um imã para atrair as mais de um milhão de visualizações que suas batalhas de freestyle tiveram no site de compartilhamento de vídeos. O single Triunfo, lançado por ele em 2008, repetiu o sucesso e virou hino entre os fãs de rap, sendo inclusive cantado calorosamente pelo público durante o último festival Indie Hip Hop, no final do ano passado.

A explicação para tanto sucesso é simplificada em uma só palavra: talento. Com 23 anos, o jovem MC se prepara para lançar uma mixtape com mais de 20 músicas inéditas e que servirá como aperitivo para seu primeiro disco solo, que deve chegar um pouco depois. Em um final de tarde de segunda-feira, o Per Raps foi ao Tucuruvi, na zona norte de São Paulo, e conversou com Emicida sobre sua infância, suas influências, histórias, opiniões, anseios e desejos, em entrevista que você confere em duas partes.


Materia Completa No Blog PerRaps



Nenhum comentário:

Postar um comentário