quarta-feira, 22 de junho de 2011

@FelipeRima anuncia primeiro trabalho solo para o segundo semestre



Com teaser, o músico cearense que trabalha poesias musicadas anuncia o trabalho “Entre o Batuque do Coração e a Poesia da Vitória”


Entre o Batuque do Coração e a Poesia da Vitória. É assim, com esse nome e carregado de sentimento, que o cearense Felipe Rima se apresenta ao Brasil, trazendo seu primeiro trabalho: um disco que consiste em poesias musicadas com a assinatura de Felipe Rima & Banda.
Aos 23 anos, ele só conheceu a poesia em 2002, quando a antropóloga Glória Diógenes lhe mostrou um poema. A princípio, as letras em forma de estrofes e rimas foram negadas por ele. “Não estava acostumado com a sutileza e a sensibilidade das palavras e os poemas traziam isso. Foi assustador, repudiei na hora”, lembra.
Mas, a magia do hip-hop  despertou nele a vontade de escrever as próprias poesias e mais tarde, sentiu a necessidade de musicá-las, montando, em 2004, o grupo Arsenal da Rima, ao lado de Mariano Penha.
Hoje, apesar do grupo, ele foca-se no trabalho solo, que chega às ruas no segundo semestre deste ano, em formato de EP, com 18 faixas.
“Quero conquistar, com minha dedicação, o espaço que mereço e assim poder contribuir com a produção cultural do meu país, bem como trazer a melhor condição de vida para mim, minha família e os parceiros que estão comigo! Sei que conseqüentemente atingirei junto ao grupo o mundo com o que tenho de melhor”, almeja.
E parte desse trabalho que está em fase final de confecção é anunciado pelo teaser que Felipe Rima libera para o público.
Uma prévia do trabalho do artista, que também é educador social no projeto E- Jovem, através da ong internacional Ashoka pode ser conferido no último Dia dos Namorados, com a liberação da poesia musicada Doce Deleite, que ele fez especialmente para data e deixou para download, além de ter colocado num vídeo para o youtube.

Links:


Poesia Doce Deleite no youtube: www.youtube.com/watch?v=xCL4wpM496Y

  

Twitter: @FelipeRima

Nenhum comentário:

Postar um comentário