terça-feira, 23 de setembro de 2014

Mês da Cultura Independente acaba neste domingo (28) com show de Seun Kuti e Orchestre Polyrythmo de Cotonou


São Paulo, setembro de 2014 – O MCI (Mês da Cultura Independente), evento promovido pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, chega à última semana de programação, depois de realizar mais de 140 eventos culturais pela cidade. Mas, ainda há muitas atrações para conferir em divesos espaços públicos da cidade. Entre os shows destacam-se as apresentações do nigeriano Sean Kuti, filho do Fela Kuti, tocando com a banda Egypt 80, no domingo, 28 de setembro, no Vale do Anhangabaú. O show de abertura ainda fica por conta da Orchestre Polyrythmo de Cotonou, de Benin. Antes e depois dos shows os DJs da festa Fela, criada em homenagem ao Fela Kuti, considerado o maior representante do afrobeat, tocam uma seleção de músicas do gênero musical.   
A programação ainda conta com a Maratona Zé do Caixão, evento realizado na Cinemateca, a partir das 23h do sábado (27), que tem como objetivo celebrar os 50 anos do personagem Zé do Caixão, comemorados este ano. Os filmes exibidos serão “À meia noite levarei sua alma” (1964), “Esta noite encarnarei no teu cadáver” (1967) e “Encarnação do demônio” (2008). Todos foram dirigidos por José Mojica Marins e serão exibidos em 35 mm. Mais informações no site da Cinemateca:www.cinemateca.gov.br
No teatro o grupo Uzyna Uzona apresenta dois musicais sobre a atriz Cacilda Becker. No sábado (27) o grupo apresenta o musical “Walmor y Cacilda 64 – Robogolpe” e no domingo (28) “Cacilda!!! A Rainha Decapitada”. Com entrada franca, os dois musicais serão apresentados no Teatro Oficina e acompanham, em momentos distintos, a trajetória da atriz Cacilda Becker. Ambos são escritos e dirigidos por Zé Celso Martinez Corrêa e Marcelo Drummond.
Na literatura o 3º Econtro de Literatura Divergente acontece na Biblioteca Pública Alceu Amoroso de Lima, na Zona Oeste, de quinta-feira (25) ao sábado (27). A programação contempla escritores que se desviam dos princípios regentes dos cânones da produção, divulgação e distribuição de textos e obras literárias na atualidade brasileira, como Marcelino Freire e Nelson Maca. Além das mesas de discussão, haverá oficinas, feira de livros e saraus.
Confira todas as outras atividades da última semana do Mês da Cultura Independente em www.culturaindependente.org.
Confira as útimas atrações:
MUSICA
Rosana Bronk’s 
Formado em 2000 a partir de um time de futebol de várzea no Jardim Rosana, o grupo de hip-hop é o convidado do mês do projeto 4ª Flow, na Galeria Olido, e interpreta canções como “Nu rolê”, “Gladiador” e “Salve um favelado”.
Quando: 24/09
Horário: 19h 
Local: Galeria Olido – Vitrine de Dança. Centro 
Grátis

The Gasolines
Com Alexandre Kanashiro (guitarra), Sonny Rocker (contrabaixo), Fabio Barbosa (baquetas) e Saico Padovano (percussão e voz). 60 min.
Influenciado pela banda norte-americana Guitar Wolf, o guitarrista Alexandre Kanashiro criou The Gasolines para tocar temas de Link Wray, um dos mestres do rock’n’roll. Mais tarde, outros gêneros latinos, jazz, surf rock e composições de filmes de faroeste fizeram parte do repertório da banda, que tem quatro CDs gravados: “Sonido de la frontera” (1998), “La Shereefa” (2000), “Tanger Hotel” (2003), que ganhou o Prêmio Dinamite de Melhor Álbum Instrumental de Música Independente, e “Pura Veneta” (2008).
Quando: 26/09 
Horário: 18h
Local: Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato. Centro.
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

Arrigo Barnabé 
Show: “Caixa de ódio”. Acompanhamento musical: Paulo Braga (piano) e Sergio Espíndola (violão). Homenagem ao compositor Lupicínio Rodrigues em show parcialmente iluminado à luz de velas. 
Quando: 27/09 
Horário: 21h
Local: Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste.
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

Audiotour Ficcional (Argentina)
Experiência sonora individual que toma a cidade como cenário para um trajeto. O público porta um MP3 de onde partem instruções para realizar caminhadas, imerso em uma trama de ficção. 
Quando: dias 24, 25, 26 e 27/09. 
Horário: das 16h30 às 18h
Duração: aproximadamente 70 min
Local: saídas da Galeria Olido – Centro.
Inscrições prévias: difusafronteira@hotmail.com
Grátis

PORTO
Projeto do baterista Richard Ribeiro, músico paulistano conhecido por acompanhar artistas como Marcelo Jeneci, Guizado e Pélico. A ideia é apresentar um diálogo musical entre guitarra e bateria, acompanhado por arranjos de vibrafone e sons sintetizados. Duas bibliotecas públicas (BP) e o Centro Cultural São Paulo recebem o duo.
Quando: 25/09 
Horário: 19h
Local: Centro Cultural São Paulo (antes da apresentação de Fernando Catatau e o Instrumental).
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

Catarina Dee Jah
Irreverente, a cantora interpretada gêneros populares como coco/ragga, cumbia/brega e xote/reggae em canções inspiradas, principalmente, nos dramas amorosos. No show do Centro Cultural São Paulo haverá participações especiais de Lurdez da Luz e Maria Alcina.
Quando: 27/09 
Horário: 19h
Local: Centro Cultural São Paulo (com participação de Lurdez da Luz e Maria Alcina). 
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

Fernando Catatau e O Instrumental
Com Fernando Catatau (guitarrista), Samuca (baterista), Regis Damasceno (baixo) e Clayton Martins (bongô e guitarra sintetizada). Após lançar “Uhuuu!”, seu terceiro disco com o Cidadão Instigado, Catatau, guitarrista, compositor e vocalista, montou o projeto solo instrumental voltado ao rock, Fernando Catatau e o Instrumental.
Quando: 25/09
Horário: 20h
Local: Centro Cultural São Paulo (apresentação após show do duo Porto). Centro.
Grátis 

Quando: 28/09 
Horário: 19h
Local: Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste. 
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

DJ Kl Jay
Show: “Rotação 33”. 60 min.
Kleber Simões iniciou carreira em 1987 e, juntamente com Edi Rock, Mano Brown e Ice Blue, fundou o Racionais MC’s três anos depois. Em 2007, lançou a fita “Rotação 33”, na qual mixa canções que são referência no rap brasileiro. Os convidados de KL Jay para o show são Gaspar, Max B.O., Livia Cruz, Aori, Kamau, Parteum, Andromeda e De Leve.
Quando: 26/09 
Horário: 19h
Local: Galeria Olido – Sala Olido.
Grátis (retirar ingresso gratuito, um por pessoa, a partir das 17h)

Inauguração do Marco Zero do Hip-Hop
Nos anos 80, a esquina da Rua 24 de Maio com a Dom Gaspar foi palco de diversos artistas urbanos que se encontravam e estabeleciam uma convivência através da dança, da música e da poesia. Os bailes que antes aconteciam dentro dos salões como a Chic-Show e o Clube Atlético Palmeiras, agora estava migrando para as Ruas e ganhando novos elementos. Para o pernambucano Nelson Triunfo, que é considerado um dos precursores da cultura hip-hop no Brasil, essa convivência que ele presenciou e interagiu e que é fruto da própria diversidade cultural das pessoas (oriunda de várias cidades do pais e do mundo) culminou com o que conhecemos hoje como a CULTURA HIP-HOP.
Impulsionados pelos novos ventos que sopram na cidade de São Paulo e que despertam nos jovens a vontade de ocupar as Praças e Ruas como um local de encontros afetivos e de retomada de consciência de valores humanos, o Secretário de Cultura Juca Ferreira e o prefeito de São Paulo Fernando Haddad reconheceram a importância desta cultura urbana não só para o município de São Paulo mas para o Brasil e instituíram oficialmente na esquina da Rua 24 de Maio com a Dom Gaspar o “Marco Zero do Hip-Hop” – lá foi assentado uma pedra de granito e nela gravada o nome dos dançarinos precursores deste movimento.
A inauguração do Marco Zero do Hip-Hop acontece no dia 26 de setembro com uma comemoração em que Nelson Triunfo convida todos para dançar. A partir das 19h os dançarinos da velha e da nova escola da dança de rua estarão reunidos novamente naquela mesma esquina para um bom Baile Black.
Quando: 26/09 
Horário: a partir das 19h
Local: esquina da Rua 24 de Maio com a Praça Dom José Gaspar – Centro.
Grátis 

100% favela
Tradicional festa do rap, realizada pela Cúpula Negredo e Periferia ativada com co-patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura. No palco, nomes como Realidade Cruel, Dexter, Negredo, Sistema Negro, Nocivo Shomon, TR3F, RDG, Ferrez, Sergio Vaz, Atitude Feminina, Rosana Bronk’s, Versão Popular, Bong Africano, MC Cauan, Somatória, Grupo Kasual, 1 Mano MC, Samanta, O Ki Loko, Cumplice e outros.
Quando: 27/09 
Horário: a partir das 15h
Local: Rua Adoasto de Godoi, 50 – Capão Redondo (próximo da Estação de Metrô Capão Redondo)
Grátis 

Seun Kuti e Egypt 80
Filho do nigeriano Fela Kuti, considerado o criador do afrobeat, Seun se junta à orquestra Egypt 80 para esta apresentação musical.
Quando: 28/09 
Horário: 16h
Local: Vale do Anhangabaú. Centro
Grátis

Daniel Murray
O violonista apresenta composições próprias e de José Augusto Mannis, Fernando Kozu, Silvio Ferraz e Paulo Porto Alegre.
Quando: 28/09 
Horário: 12h
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho - Centro
Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de duas horas antes)

Silvia de Lucca: música para contrabaixo
Intérpretes se reúnem para apresentar obras de câmara com contrabaixo da compositora paulista Silvia de Lucca.
Quando: 30/09 
Horário: 20h30
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho - Centro
Grátis (retirar ingresso a partir das 18h30)

CINEMA
Karen Chora no Ônibus
(Karen llora en un bus, Colômbia, 2012, 98 min, bluray). Dir.: Gabriel Rojas Vera. Com Ángela Carrizosa Aparicio, María Angélica Sánchez e outros. 
Após dez anos de casamento, Karen percebe o erro dessa união que custou sua juventude. Disposta a recuperar o tempo perdido, pede o divórcio e decide começar uma nova vida no centro de Bogotá (Colômbia), mas as dificuldades a fazem repensar essas escolhas.
Quando: 20/09, às 19h 
Locais: Galeria Olido – Centro
Ingresso: R$ 1,00

Short Term 12
(Short Term 12, EUA, 2013, 96 min, cor, ccsp - DCP / Olido - Bluray). Dir.: Destin Daniel Cretton. Com Brie Larson, Frantz Turner, John Gallagher Jr.
Grace é uma jovem com passado familiar complicado, que começa a trabalhar como assistente social em um lar que acolhe crianças órfãs ou com problemas em suas famílias. Enquanto se adapta à dura realidade das pessoas acolhidas, Grace conhece Mason, outro assistente com quem passa a ter um relacionamento.
Quando: 26/09, às 21h30 (CCSP). 
Locais: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

E Agora? Lembra-me
Portador do HIV há 20 anos, o cineasta Joaquim Pinto testa drogas clandestinas durante um ano e relata sua experiência cinematograficamente. Um filme sobre memória, perda, globalização, epidemia, esperança, amizade e vida.
Quando: 28/09, às 17h15 
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Ausência
(Without. EUA, 2011, 88min, bluray). Dir.: Mark Jackson. Com Joslyn Jensen e Ron Carrier.
Numa ilha remota, uma jovem começa a trabalhar como cuidadora de um senhor em estado vegetativo. Sua rotina isolada se transforma numa luta interna com sua sexualidade, culpas e perdas.
Quando: 27/09, às 21h30 (CCSP).
Locais: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Upstream Color – Cores do Destino
(Upstream Color, EUA, 2013, 96 min, DCP - ccsp / Bluray - olido). Dir.: Shane Carruth. Com Shane Carruth, Amy Seimetz
Um homem e uma mulher se aproximam, enredados no ciclo de vida de um organismo que não envelhece. Identidade se torna uma ilusão à medida em que eles lutam para juntar as peças soltas de vidas em pedaços.
Quando: 27/09, às 21h30 
Locais: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Absolutamente
(Uncertain Term, EUA, 2014, 75 min, cor, arquivo HD). Dir.: Nathan Silver. Com With David Dahlbom, Adinah Dancyger, Casey Drogin, Hannah Gross
Sinopse: Fugindo da cidade e de um casamento problemático, Robbie se esconde na casa de campo de sua tia (Cindy Silver, mão do cineasta), onde ela desenvolve um programa de ajuda para grávidas adolescentes.
Quando: 24/09, às 19h30.
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Cabeça de Vento
(Soft in The Head, EUA, 2013, 71 min, cor, arquivo HD). Dir.: Nathan Silver. Com :Theodore Bouloukos, Sheila Etxeberría, Mark Gotbaum, Moshe Kessler
Despejada de seu apartamento em Nova York, a jovem Natalia se apoia em seus amigos para ter onde dormir. Aparentemente inconsciente do caos que causa, ela pula de casa em casa, até invadir um feriado de família na casa de sua melhor amiga. Quando termina em um abrigo da cidade, ela finalmente percebe que a vida não é assim tão simples. Perdendo o Senso é um olhar sobre como é fácil perder a cabeça na cidade grande, particularmente pra quem já perdeu.
Quando: 23/09, às 19h45
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Éden
(Eua, 2013, 98 min, cor, ccsp - DCP / Olido - Bluray). Dir.: Megan Griffiths. Com Jamie Chung, Beau Bridges, Matt O'Leary, Eddie Martinez
Uma jovem americana de descendência coreana, sequestrada e forçada a se prostituir por traficantes de escravos, se junta ao seu sequestrador numa desesperada jornada para sobreviver.
Quando: 23/09, às 17h15 (CCSP)
Locais: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Aquele Estranho Gato 
(The Strange Little Cat, Alemanha, 2014, 72 min, DCP). Dir.: Ramon Zurcher. Com Jenny Schily, Anjorka Strechel, Mia Kasalo, Lea Draeger.
Karin e Simon visitam seus pais e irmã para um almoço de família. "A delicada estreia de Zurcher no cinema evoca o seminal Jeanne Dielman de Chantal Akerman se Jacques Tati tivesse dirigido primeiro."
Quando: 26/09, às 19h30
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Temos Que Dar o Fora Daqui
(We Gotta Get Out of This Place, EUA, 2013, 92 min, DCP). Dir.: Simon Hawkins, Zeke Hawkins. Com Mackenzie Davis, Logan Huffman, Jeremy Allen White, Jon Gries, William Devane
Três adolescentes têm o plano de faturar alto e escapar de suas existências fracassadas em uma cidade esquecida do Texas, mas eles acabam presos na malha do crime organizado local quando um deles rouba do homem errado.
Quando: 24/09, às 17h15. 27/09, às 19h30
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Um Conto de Guerra
(War Story, EUA, 2014, 90 min, HD). Dir. Mark Jackson. Com Catherine Keener, Hafsia Herzi, Ben Kingsley, Vincenzo Amato.
Uma jornalista e fotógrafa afetada por um trauma pessoal decide tirar retratos de pessoas envolvidas em conflitos na Líbia. Neste processo, ela acaba conhecendo uma jovem refugiada, e aceita correr vários riscos para protegê-la.
Quando: 26/09, às 17h15. 27/09, às 15h15
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Shopping
(Austrália, 2014, 98 min). Dir.: Mark Albiston, Louis Sutherland. Com Julian Dennison, Kevin Paulo, Jacek Koman
Carros poderosos, tensão racial e pássaros ladrões fazem parte do cotidiano dos irmãos Willie e Solomon, nos recantos de uma pequena cidade da Nova Zelândia, no ano de 1981. Depois de conhecer o carismático Bennie, Willie é seduzido para a vida dos pequenos crimes, que permite a ele escapar das brigas com seu inconstante pai. Mas a medida que as ameaças de Bennie cresce, e Solomon é largado à deriva, Willie é colocado contra a parede e uma decisão precisa ser tomada. Shopping é o primeiro longa-metragem dos premiados diretores x. Vencedor do prêmio Generation Plus no Festival de Berlin.
Quando: 26/09, às 19h10. 28/09, às 15h15
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Não Saia de Casa!
(Documentário, China, 2013, 77 min, HD). Dir.: Ai Weiwei
Liu Ximei nasceu em 1985 na cidade de Zhumadian, Província Henan. Nascida sob violação do código Uma Criança, que proíbe as famílias de terem mais de um filho, ela foi criada por parentes. Em 1995, uma criança de 10 anos, Ximei sofreu um acidente enquanto colhia arroz. Numa transfusão de emergência no hospital local, ela recebeu sangue contaminado com o vírus HIV. De acordo com estatísticas oficiais, há 850.000 pessoas contaminadas com o vírus na China. Este filme narra a vida de Liu Ximei em 2013. 
Quando: 28/09, às 20h15 (CCSP). 
Locais: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Amador
(Brasil, 2013, 95 min, p&b, DCP). Dir. Cristiano Burlan. Com Henrique Zanoni, Jean Claude Bernardet, Gustavo Canovas, Rejane Arruda, Flávia Couto
Henrique é um cineasta que realizou obras que quase ninguém viu. Um marginal por falta de opção. Próximo de completar 40 anos, enfrenta um momento difícil de sua vida com o fim de um relacionamento. Decide realizar um novo filme, sua obsessão é encontrar um rosto como paisagem. Filmar para ele é uma necessidade, lhe restam poucas opções.
Quando: 28/09, às 2h15 (CCSP). 
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

The Dirties
(Irlanda, 2013, 83 min, DCP). Dir.: Matt Johnson. Com Matt Johnson, Owen Williams, Padraig Singal
Dois melhores amigos estão filmando uma comédia sobre vingança contra os valentões de sua escola. Mas um deles não está brincando.
Quando: 25/09, às 19h30 (CCSP). 27/09, às 17h15 (CCSP). 
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Exposição
(Exhibition, Reino Unido, 2014, 104 min, Bluray). Dir.: Joanna Hogg. Com Viviane Albertine, Liam Gillick, Tom Hiddleston
Um íntimo e profundo estudo sobre um casal de artistas contemporaneos, cujo trabalho e relacionamento é ameaçado pela venda iminente de sua casa.
Quando: 25/09, às 17h15 (CCSP). 
Local: Centro Cultural São Paulo – Sala Paulo Emilio Salles Gomes - Centro
Ingresso: R$ 1,00

Mostra de Cinema Independete na Cinemateca
No dia 27 de setembro, a partir das 23 horas, acontece uma maratona de filmes dirigidos por José Mojica Marins, que encerra o evento com uma celebração dos 50 anos do personagem Zé do Caixão, comemorados este ano. Mais informações no site da Cinemateca: www.cinemateca.gov.br
Quando: 27/09 às 23h.
Local: Cinemateca Brasileira – Zona Sul. Largo Senador Raul Cardoso, 207. 
Grátis

TEATRO
Grupo Oficina Uzyna Uzona (teatro)
Escritos e dirigidos por Zé Celso Martinez Corrêa e Marcelo Drummond, o grupo apresenta, com entrada franca, dois musicais que acompanham, em momentos distintos, a trajetória da atriz Cacilda Becker.
“Cacilda!!!! A Rainha Decapitada” - Musical dirigido por José Celso Martinez Corrêa com o Teatro Oficina Uzyma Uzona que mistura música ao vivo, teatro, dança e vídeo. A montagem usa o fim da paixão entre a atriz Cacilda Becker e o diretor Adolpho Celi, principal motor de criação do TBC - Teatro Brasileiro de Comédia, para marcar o final de uma era - de modelo e de produção - do Teatro nacional. 
“Walmor y Cacilda 64: RoboGolpe” - A atriz Cacilda Becker é dirigida por Walmor Chagas em A Noite do Iguana e Cleyde Yáconis está presa. O DOPS intima a classe teatral paulista a depor. Ao mesmo tempo, São Jorge Robogolpe tenta submeter "subsversivos" ao estado exceção. Uma relação de 50 anos com o imaginário da Ditadura Militar e seus efeitos para a arte no Brasil, num musical dirigido por Zé Celso com a Cia Uzyna Uzona.
Quando: 27/09 – peça “Walmor y Cacilda 64 - Robogolpe”
Horário: 18h
Local: Teatro Oficina. Rua Jaceguai, 520. Bela Vista.
Grátis 

Quando: 28/09 – peça “Cacilda!!! A Rainha Decapitada”
Horário: 18h
Local: Teatro Oficina. Rua Jaceguai, 520. Bela Vista.
Grátis 

LITERATURA
3º ENCONTRO DE LITERATURA DIVERGENTE
Terceiro encontro de escritores que se desviam dos princípios regentes dos cânones da produção, divulgação e distribuição de textos e obras literárias na atualidade brasileira. Todos os eventos são gratuitos e acontecem do dia 25 ao dia 27 de setembro na Biblioteca Pública Alceu Amoroso de Lima, na Zona Oeste.

Quinta-feira, 25/09:
10h – Inauguração Exposição Fotográfica
Inauguração da exposição fotográfica coletiva com registros do I e II Encontro de Literatura Divergente. A exposição permanecerá de 25 de setembro a 06 de outubro no foyer da Biblioteca Alceu Amoroso Lima

10h - Abertura da Feira de livros
Abertura da feirinha de livros, cds, dvds e afins destinada a reunir editoras, autores e artistas independentes, para lançamento de  livros e exposição de suas produções, com  microfone aberto para intervenções espontâneas. A feira funcionará de 25 a 27 de setembro no foyer da Biblioteca Alceu Amoroso Lima e os interessados em participar devem entrar em contato pelo email: berimbajesus@gamil.com

14h às 17h - Oficina Transversal Divergente 
Eduardo Lacerda, Nelson Maca e Wanderley Mendonça vivenciam a literatura de diferentes formas e contextos, no entanto guardam valores e ações solidárias. A proposta é colocá-los em perspectiva diante de um público que, acredita-se, será igualmente plural. Será o encontro de distintas escrivivências, em consonância com a proposta geral do III Encontro de Literatura Divergente. Haverá momentos coletivos e também a divisão do grupo em três partes, que se revezam, participando de cada uma das três abordagens. 

Eduardo Lacerda transita com desenvoltura entre os elementos vivos da criação literária  e sua edição em livro. Procura pensar e experimentar a construção da escrita criativa, o jogo entre a matéria da vida e sua representação. Os participantes poderão acessar as informações básicas para se aventurar no caminho das pedras entre a construção do texto e suas maneiras de serem publicados. 
Nelson Maca é um autor que se autodeclara da Literatura Negra, com forte apelo oral. Seu objetivo central é pensar as representações identitárias na literatura, destacando elementos como a negritude e a periferia. Será também um bom momento para debater o conceito Literatura Divergente que se expande pelo país. 
Wanderley Mendonça se interessa por toda a cadeia do livro, da escrita à sua distribuição. Destacará a editoração, abordando igualmente os diversos estágios da fabricação do livro: arte, diagramação, impressão... À frente das editoras Demônio Negro e Edith, possibilitará aos presentes a entrada no mundo do objeto livro em si.
19h - Abertura do III Encontro de Literatura Divergente
Berimba de Jesus e Nelson Maca, curadores do encontro, fazem um breve histórico das edições anteriores e abordam o conceito Literatura Divergente.

19h30 – Mesa 1: Gerações - um pouco de história 
Relatos de pessoas que estão na cena desde a década de setenta, os pioneiros do agora. Com Raquel Trindade (SP) e Douglas de Almeida (BA) e mediação de Nelson Maca (BA)

21h30 - Lançamento de livros da Série Edições Maloqueiristas
Récita Maloqueirista. Lançamento dos livros: Sociedade Vertical de Caco Pontes, Aprender Menino de Victor Rodrigues, Descaminhar de Pedro Tostes e Carta Branca de Juliana Bernardo. Livros financiados pelo Programa VAI (Valorização de Iniciativas Culturais).

Sexta-feira, 26/09:
14h às 17h – Oficina Transversal Divergente (continua)  
Eduardo Lacerda, Nelson Maca e Wanderley Mendonça vivenciam a literatura de diferentes formas e contextos, no entanto guardam valores e ações solidárias. A proposta é colocá-los em perspectiva diante de um público que, acredita-se, será igualmente plural. Será o encontro de distintas escrivivências, em consonância com a proposta geral do III Encontro de Literatura Divergente. Haverá momentos coletivos e também a divisão do grupo em três partes, que se revezam, participando de cada uma das três abordagens. 

Eduardo Lacerda transita com desenvoltura entre os elementos vivos da criação literária  e sua edição em livro. Procura pensar e experimentar a construção da escrita criativa, o jogo entre a matéria da vida e sua representação. Os participantes poderão acessar as informações básicas para se aventurar no caminho das pedras entre a construção do texto e suas maneiras de serem publicados. 
Nelson Maca é um autor que se autodeclara da Literatura Negra, com forte apelo oral. Seu objetivo central é pensar as representações identitárias na literatura, destacando elementos como a negritude e a periferia. Será também um bom momento para debater o conceito Literatura Divergente que se expande pelo país. 
Wanderley Mendonça se interessa por toda a cadeia do livro, da escrita à sua distribuição. Destacará a editoração, abordando igualmente os diversos estágios da fabricação do livro: arte, diagramação, impressão... À frente das editoras Demônio Negro e Edith, possibilitará aos presentes a entrada no mundo do objeto livro em si.
19h30h – Mesa 2 - Criação, produção e distribuição independente
Relatos de pessoas que se envolvem em todo ciclo: escrita, confecção, divulgação e distribuição, - Giovani Baffô (SP), Guilherme Salgado (MG), Lucia Rosa (SP) e mediação de Berimba de Jesus (SP).

20h40 às 22h10 – Mesa 3 - Endereços: a literatura para além da sala de estar 
Relatos de pessoas que realizam eventos e performances literárias em espaços atípicos, com Akins Kintê (SP), Marina Mara (BSB), Tiago Oliveira (BA) e mediação de Zinho Trindade (SP).

23h – Festa Divergente – Confraria Nossa Casa
Microfone aberto para os poetas presentes e shows de Roberta Estrela Dalva (SP), GOG (BSB), Mano Teko & Pingo do Rap (RJ), além de discotecagens de Marina Caires, Nelson Maca e Zinho Trindade. Local: Confraria Nossa Casa 

Sábado, 27/09:
15h às 16h30 – Mesa 4 – Instalações: o texto reescrevendo seus suportes 
Relatos de pessoas que levam seus textos para suportes inusitados, com Laura Guimarães (SP), Orlando Pinho (BA), Thiago Cervan (SP) e mediação de Mano Teko (RJ). 

16h40 às 18h40 – Mesa 5 –  Fronteira: a palavra no limite entre a literatura e a música 
Relatos de pessoas que trabalham seu texto na fronteira entre a literatura e a música, fazendo do hibridismo sua expressão, com Gustavo Gallo (SP), Estrella Leminsk (PR), Ademir Assunção (SP), GOG (BSB) e mediação de Ryana Gabech (SC).

18h50 às 20h50 – Mesa 6 - Performance: um pouco de oralidade contemporânea
Relatos de pessoas que realizam performances e/ou produzem eventos centrados na performance literária, com Daniel Minchone (SP), Ícaro Tenório (PE-SP), Vera Lopes (RS-BA), Pedrão (SE) e mediação de Juliana Bernardes (SP).

21h – Sarau Divergente 2 – Encerramento do encontro
Sarau com poetas e escritores participantes do III Encontro de Literatura Divergente e depois microfone aberto. Lançamento dos livros: Sumo Bagaço de Thiago Cervan, Indócil  de Renato Limão e Canibalismo da Alma de Piero Falgetano da Série Edições Maloqueiristas financiados pelo Programa VAI (Valorização de Iniciativas Culturais).

Domingo – 28/09:
16h - Lançamento de livros no Sesc Pinheiros
- Arrabalde - Berimba de Jesus
- Estirpe - Guilherme Salgado 
- O telefone tocou novamente - Laura Castro 
- Afrorimas: versos imagens riscos e afins - Nelson Maca
- Tarja Preta - Zinho Trindade

18h - Show lítero-musical – Vão Divergente: da fala cantada ao canto falado, no Sesc Pinheiros 
- Berimba de Jesus (SP)
- Nelson Maca (BA)
- Zinho Trindade (SP)
- Mano Teko & Pingo do Rap (RJ)
- Ellen Oléria (BSB)

ESPECIAIS
Passando o Chapéu - Ocupação Artística no CCSP
O Centro Cultural São Paulo é uma extensão da rua, assim, levando em conta essa característica, a ideia é ocupar os espaços de convivência do CCSP com artistas que já realizam apresentações nas vias públicas. As pessoas poderão se deparar com grupos de diversas linguagens, como música, circo, teatro, dança, estátuas vivas, que se apresentam e se encontram com outros artistas para trocar experiências nos espaços do Centro Cultural. A programação pretende fomentar a discussão em torno do decreto Nº 54.948, de 20 de março de 2014, que dispõe sobre a apresentação de artistas nos logradouros públicos e possibilitar que o público conheça um pouco do que está acontecendo pelas ruas de São Paulo. Com: Festival Caravana de Rua e outros artistas
Dia 25, Quinta, 19h - Emblues Beer Band e Danielle Siqueira (circo) – Local: Rampa do Metrô.
Dia 27, Sábado, 20h30 - Teatro da Peste - Espetáculo itinerante, vários locais (rampa do metrô, jardim e espaços de convivência).
Dia 28, Domingo, 15h - Bardo e o Banjo e Sara Borbo (circo) – Local: Jardim Superior.

Projeto “SARAUS DE MADRUGADA”
O Parque Ibirapuera sedia a primeira edição do Sarau da Madrugada, que realizará nas madrugadas de sábado para domingo, das 0h às 5h, apresentações de saraus e batalhas poéticas, através da participação de diversos coletivos. 

- Sarau do Binho + Circo Incandescente 
Quando: 27/09
Horário: a partir das 23h59
Local: Parque Ibirapuera
Grátis

O Mês da Cultura Independente

Criado originalmente no Centro Cultural da Juventude (CCJ), o festival se espalhou por vários espaços da cidade ao longo dos anos, entre bibliotecas públicas, teatros, galerias, cinemas, instituições culturais, além de terminais de ônibus e praças e parques públicos, promovendo uma intensa programação com eventos direcionados à música, cinema, dança, literatura e artes visuais. 
“O MCI é um dos momentos especiais da nossa programação anual porque traz um panorama das artes, com convidados nacionais e internacionais, sempre abrangendo a diversidade de estilos e linguagens”, ressalta Karen Cunha, diretora de eventos da Secretaria Municipal de Cultura e curadora do MCI desde a primeira edição. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário