sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Espetáculo 'Contando África em Contos' ganha sessões gratuitas em novembro e dezembro

Foto: Felipe Choco

ESPETÁCULO “CONTANDO ÁFRICA EM CONTOS” GANHA SESSÕES NAS CASAS DE CULTURA SÃO MATEUS E CHICO SCIENCE, NOS DIAS 14/11 E 15/12

Montagem mescla teatro, música, dança e contação de histórias para resgatar as ricas tradições do continente africano

Valendo-se da qualidade comunicativa das artes, sua premissa número um, a “Cia. Colhendo Colhendo Contos e Diásporas Negras” utiliza seu talento para resgatar os valores da cultura africana em peças lúdicas e adornadas por diversas linguagens artísticas. Um de seus trabalhos será apresentado em duas datas na ocasião da celebração do Dia da Consciência Negra (20 de novembro): “Contando África em Contos” estará na Casa Cultura São Mateus em 14/11, às 14h, e na Casa de Cultura Chico Science em 15/12, às 15h. As sessões são gratuitas.

O espetáculo traz memórias de três histórias que passeiam por países do continente africano e vão de encontro com assuntos universais que são essenciais para o resgate, a valorização, a preservação e a formação cultural de jovens e adultos, principalmente a partir da desconstrução dos estereótipos disseminados pela educação formal. Por meio de brincadeiras, música e dança e contação de histórias a peça retoma a tradição de comunidades africanas baseada na atividade de mestres “griôs”, que transmitem os ensinamentos aos seus pupilos para que as tradições se perpetuem por meio das gerações.

“Contando África em Contos” apresenta três histórias: “Os Reis de Gondar (Etiópia)”, “Os Sete Novelos (Gana)” e “Os Comedores de Palavras (Angola)”. A primeira delas trata de solidariedade, amizade, respeito e humildade por meio do encontro de dois homens, um humilde camponês e um caçador, que, ao se perder de sua aldeia, necessita da ajuda. “Os Sete Novelos” é um conto sobre uma família axânti de Gana que valoriza a relação familiar, a importância da união, o trabalho em equipe, a divisão de tarefas, o respeito ao espaço do outro e de como os sete irmãos, que só viviam discutindo, tiveram que enfrentar juntos momentos difíceis após a perda dos pais. Por sua vez, “Os Comedores de Palavras” fala de uma garota que viajava mundo afora com seu pai, um contador de histórias, mas que após a perda de seu tutor se vê impossibilitada de continuar o legado deixado por ele. Com a ajuda de pessoas especiais ela retoma seu destino e ganha novos motivos para continuar.

Serviço:

‘Contando África em Contos’

Locais, datas e horários: Casa de Cultura São Mateus (14/11) - Rua Monte Mandirá, 40 - Jardim Nove de Julho, às 14h

Casa de Cultura Chico Science, (15/12) - Avenida Presidente Tancredo Neves , 1265, Vila Moinho Velho – Ipiranga, às 15h

Entrada gratuita

Nenhum comentário:

Postar um comentário