segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

O rapper gaúcho Liro lança o álbum "Diamante"

Rimas que falam sobre os aprendizados da vida, versos que alertam sobre a importância de construir parcerias, letras que também falam de paixão e amor. É nessa pegada que o rapper Liro volta à cena com o CD Diamante. Nas redes sociais desde o final de 2019, o trabalho tem oito faixas e reafirma seu engajamento na cultura hip hop caxiense.

'Grato Por Tudo', 'Mais Forte', 'Enquanto o Mundo Explode', 'Nossa Trama', 'Entre Leões e Vermes', 'Degrau Por Degrau', 'Reescrevendo Minha História' e 'Direto de Alvorada' são as músicas que compõem o trabalho. Apostando na diversidade das vertentes do rap, o disco vai desde o boom bap clássico, trap e love songs. Com estas referências, Liro acredita que o público que ouvir o trabalho vai se identificar com algumas destas nuances da proposta.

Embora esteja se “reapresentando” à cena agora, Liro está na estrada há vários anos. Em 2011 foi um dos fundadores do grupo Noclap e, durante mais de sete anos, atuou na Serra Gaúcha, Litoral e região metropolitana de Porto Alegre com o seu grupo ao lado de Preto e o DJ Ale.

O novo trabalho foi desenvolvido durante dez meses, nos intervalos de sua outra função como motorista de Uber, registrando, mais do que um novo projeto musical, um novo momento, uma nova cabeça, outro olhar para a vida.


Em Grato Por Tudo, por exemplo, ele diz “Não se importe com o julgamento alheio, vivemos em tempos que os valores se perderam. Faça a diferença, seja a esperança, cultive paz amor e os leve na suas andanças. Não se esqueça de onde viemos, do pó nascemos e há ele voltaremos.” Já a faixa Direto de Alvorada, o papo é reto, refletindo sobre escolhas da vida: Mas, fica difícil quando tudo ao seu redor, conspira em tiro, morte e sangue e a incerteza do amanhã. E o amanhã pode ser tarde pra escolher de um lado o berro e do outro o caderno para escrever.”
E há também espaço para os climões românticos, como em Nossa Trama, com versos assim: “Felicidade é quando aproveito meu tempo te vendo sorrindo, sua imagem dançando pra mim é como uma obra do divino.Se for pra escolher com quem ficar, em algum lugar, minha escolha é você, que me fez entender que só o amor nos liberta”.

“Sinto-me mais confiante, mais sério, mais preparado e convicto de coisas que antes não tinha certeza”, afirma o rapper que embora tenha outros trabalhos solos na Internet, desta vez diz que revirou suas gavetas selecionando seus melhores versos, ao mesmo tempo que lapidou faixa a faixa com dedicação e carinho.


As faixas têm produções de Scooby, Sonant, Lucas Sasset, Shocolate, Liip Beats e ADBeats, reunindo artistas beatmakers gaúchos, catarinenses e paulistas, com scratches do Dj Ale, mixagem e masterização de David Makaveli, da Makaveli Records.


Ouça:




Três faixas comentadas pelo rapper Liro:


Grato Por Tudo tinha escrito há uns três anos. Para a gravação, mantive praticamente só o inicio dela original. Conheci um moleque que produzia beats num show do Noclap em Arroio do Sal. O Alex, ADBeats, me enviou alguns beats que estavam prontos e que estão nesta versão. É um som que coloca as pessoas pra cima, fala sobre o mundo em que a gente vive de julgamentos e materialismo. Te faz entender por um momento que a vida é breve e deve ser desfrutada da melhor maneira sempre. E que em todos os momentos devemos agradecer as experiências boas ou ruins. Todas nos fazem crescer de alguma maneira.


Me identifico muito com Mais Forte. 

A pegada boombbap, original, grave batendo forte nas caixas, empurrando a galera. Retrata muito o que acontece comigo, de ter que fazer as paradas sem ter tempo sobrando. Também tem produção do Alex, ADBeats. A letra quer mostrar que às vezes temos que ser fortes e independentes pra conseguirmos algo. Para se chegar a alguma lugar tem que fazer esforços que nem todos estão dispostos. Tem que ser inteligente e identificar que algumas pessoas não estão aí pra te ajudar, mas só pra fazer peso. O negócio é se apegar em Deus, baixar a cabeça, fazer acontecer deixando de lado o ego e se colocando no lugar dos outros. Mesmo com dificuldades, não podemos fraquejar. A vida é cruel com quem é fraco.


Quem me olha não imagina que ainda sou um cara romântico. Gosto desse tipo de som de Enquanto o Mundo Explode. Antes de Diamante tinha pensando em fazer um projeto só de love songs. Tenho mais algumas letras trabalhadas nesse estilo. Acho que as mulheres, pelo simples fato de existirem, nos inspiram demais. Tanto Enquanto o Mundo Explode quanto Nossa Trama foram letras escritas por causa de experiências legais que vivi. Juntei os melhores momentos, compactei, e transformei em música.



Links para conferir:
Canal no Youtube

Perfil no Instagram

Pagina no Facebook 



Nenhum comentário:

Postar um comentário