quinta-feira, 11 de junho de 2020

Instituto Raízes em Movimento | CAMPANHA COMPLEXO DO ALEMÃO COm VIDa


O Instituto Raízes em Movimento pretende impactar diretamente, no mínimo, 2000 pessoas, de diferentes modos. A ideia é distribuirmos 100 cestas básicas, 1000 máscaras (inclui-se aqui funcionários da saúde), 50 litros de álcool gel, confeccionar 2000 exemplares do jornal fala favela com matérias específicas sobre o covid-19, chamando atenção para a crise sanitária, seus efeitos e como devemos nos resguardar nesse momento. O público indireto pode multiplicar por pelo menos três vezes esse número. 

A iniciativa trabalha em mais de uma frente: em ações de conscientização direcionadas para sua população - com faixas, cartazes e carros de som -; distribuição de materiais de higiene e limpeza; e o estímulo à economia local, através da construção de parcerias com comerciantes para facilitar o acesso das famílias mais vulneráveis à alimentos com empreendedores locais e não com a distribuição direta de cestas básicas, geralmente montada com itens comprados em grandes redes.

É importante ressaltar que esse trabalho será desenvolvido de acordo com as medidas de segurança e orientações dos órgãos de saúde, no combate ao Coronavírus, inclusive contamos com a parceria da Fiocruz.

[RJ] Raízes e você contra o Covid no CPX | VAKINHA ONLINE


A Organização

O Instituto Raízes em Movimento é uma ONG do Complexo do Alemão que, há 18 anos, atua na defesa dos direitos de seus moradores com ações de produção cultural, comunicação, mobilização social e participação popular. É por esse compromisso com o bem estar da comunidade e histórico de atuação, que o Raízes propõe esse projeto. A trajetória do Raízes em Movimento é marcada pelo engajamento com outros coletivos, como a luta pela implementação do Conselho de Saúde do Complexo do Alemão (CONSA), a criação do Comitê de Desenvolvimento Local da Serra da Misericórdia (CDLSM), ou iniciativas próprias em ações culturais e de protagonismo local. 

Hoje, temos certeza de que nosso investimento se consolidou. Vamos completar, em setembro deste ano, dezenove anos de história. Nosso trabalho está articulado em duas áreas estratégicas: a primeira voltada para a Produção de Conhecimentos Compartilhados; a segunda para Comunicação e Produção Cultural. Ambas formam os programas: Centro de Estudos, Pesquisa, Documentação e Memória do Complexo do Alemão (CEPDOCA) e CIRCULANDO - Diálogo e Comunicação na Favela. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário