sexta-feira, 22 de abril de 2011

O rap deu um show de música e cidadania na Virada Cultural



No último final de semana aconteceu em São Paulo a 7ºedição da Virada Cultural .
O evento reuniu mais de 4 milhões de pessoas em diversas regiões da cidade.
E o rap nacional se fez presente em um lindo espetáculo de música e cidadania.
O palco montado na Praça da República recebeu uma multidão de pessoas que prestigiaram os representantes da música negra.
A apresentação do evento ficou por conta do Nelson Triunfo.
E o público foi ao delírio com a apresentação da show 011 com Edi Rock, Kl Jay, Dom Pixote, Nego Jam, Nathy Mc e ainda teve a participação surpresa e muito especial do Dexter.
Foi sem dúvidas uma noite marcante , o encontro dos manos e minas do rap nacional com seus ídolos em pleno centro da maior cidade do Brasil.
E como não poderia faltar o Edi Rock fez uma homenagem em memória as crianças que foram vitimas da tragédia em Realengo e cantou o clássico Mágico De Oz .
O rap nacional deu um show de cidadania, cantando , curtindo o evento em uma harmonia total na paz.
Salve geral para todos os manos e minas que foram no show , que curtiram e deram um tapa na cara da sociedade e do governo, mostrando que o rap nacional merece muito respeito e pode sim participar de qualquer evento.
Por que nosso povo sabe respeitar, eram crianças, jovens, homens , mulheres todos juntos na mesma sintonia , com as mãos pra cima , cantando , o verdadeiro rap nacional.
E o rap de militância continua mais vivo do que nunca e vai permanecer enquanto existirem manos e minas que realmente amam o rap , e não se deixam enganar por falsos estereótipos.
O que foi visto na República no último sábado foi uma multidão sinal que por muitos e muitos anos o verdadeiro rap continua existindo e incomodando aqueles que não aceitam que o
RAP É COMPROMISSO NÃO É VIAGEM .
Texto: Paula Farias
Fotos: Helton Periferia Nacional

By Rapnacional.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário