segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Lançamento do single PRO BEM ESTAR DO MEU SEMBLANTE - sopro inverso




Pro bem estar do meu semblante (part. jotaésse e paulo microfonia / prod. o coletor).
jotaésse:
pela manhã, mais um dia de sol / acordo lento, sem movimento, deixo ela só /
tudo ao meu redor me faz entender / qual é o motivo de sorrir, o motivo de
viver / já soprei inverso, tô submerso / desço a ladeira cinzenta fazendo verso
/ e depois que a neblina subiu / quase ninguém sentiu / peço a deus que olhe
por todos que estão nesse navio / lançando suas redes / entrando em suas
redes / e eu queria estar deitado na minha rede / na praia, não pega nada /
menos na enseada / tá ligado? tem que ser legalizada... / tô viajando, o
busão já tá chegando / deixa esses papo de praia pra outro dia / fui falou, joe!
mente a milhão, no meu mundo fechado do dia-a-dia //
jotaésse, sopro inverso e paulo microfonia:
corro pro ponto, de novo atrasado / cidade grande, mentes pequenas / nesse
descompasso / sigo no passo / sagrado flutuante / me esquivo de sorriso
opaco pro bem estar do meu semblante //
sopro inverso:
avante! levante e marche / quem tem boca vaia roma, com minha arte eu
chego em marte / mesmo que seja a pequena parte / que envolve a minha
alma e a consciência na metade / imaginária / o experimento da palavra / um
instrumento que pra lavar / o meu pequeno sofrimento e pá / sempre escorre
sujo no som que imagino / do meu credo, medo e ego pro papiro / ameniza a
forma rude que apresenta essa existência / suaviza e torna mute, salienta
essa carência / urgência de sentido: a busca / tem os brilho que te ofusca /
nego véio cai no conto... / hã!? brisei / o meu é o próximo ponto / roleta
paguei / atrasado pro encontro / do banza pulei / meu sorriso no bolso
guardei //
jotaésse, sopro inverso e paulo microfonia:
corro pro ponto, de novo atrasado / cidade grande, mentes pequenas / nesse
descompasso / sigo no passo / sagrado flutuante / me esquivo de sorriso
opaco pro bem estar... //
paulo microfonia:
desço do buza já tracejado na rotina / itinerário, baldeação, horário, cafeína /
atravesso a rua sentido plataforma / reforma, transito lento, obra a frente –
informa / me fecho no meu fone / encurto o caminho, muitos e eu no infinito
vão matar a fome / há quem levanta da cama / reclama, inflama a feira /
starta o dia, sana no fim de semana / no celular, no singular, virtual ou no
livro / pensando no particular, acento privativo / da briga, intriga, motô passa
do ponto não para / se não tiver lotado e não xingar é coisa rara / trabalhador,
mulher, criança, estudante / no sanfonado, gestante, idoso, cadeirante /
fretado público, único / é pontual atraso / cartão não lúdico, meu não casual
acaso //
jotaésse, sopro inverso e paulo microfonia:
corro pro ponto, de novo atrasado / cidade grande, mentes pequenas / nesse
descompasso / sigo no passo / sagrado flutuante / me esquivo de sorriso
opaco pro bem estar do meu semblante //
ficha técnica:
letra e interpretação de sopro inverso, paulo microfonia e jotaésse.
beat produzido, arranjado, tocado e composto por o coletor.
gravado, mixado e masterizado por dj dúh no groove arts stúdio.
arte concebida por s4nn.
faixa que integrará o ep “outros timbres, outros tons - outras terras, outros
sons - outros sins e outros nãos” do sopro inverso.
imaginária beats 2016.
www.imaginariabeats.com
Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top