quarta-feira, 23 de abril de 2014

DJ Prince ft. Sean Price – Shottas


Video: Rapsody – Thank You Very Much (Prod. by Khrysis)


Novo clipe do Pharrell "Marilyn Monroe"

marilynmonroe

Ray Jr. & Stalley – Wit Sum Money

WitSumMoney

VIDEO - A$AP Mob – Xscape (feat. A$AP Twelvyy)

ASAPMob-Xscapevid

Depois de trabalhar com Valete, Sacik Brow lança 'Street-Hop'‏



Passados 3 anos, Sacik Brow já não é um nome desconhecido no HipHop Português, consequência de uma mixtape bem sucedida, ”Made In Ghetto”, uma longa tour que o destacou nos palcos com intensas performances ao vivo e aquela que viria a ser a sua grande oportunidade até à data: dividir rimas com Valete, em ”Contra-Cultura”. 

Em 2014 o MC Algarvio lança o projecto ”Street-Hop”, ladeado por produtores nacionais e internacionais: Ricardo 2R, Madkutz, LG Experience (aka Patrick Harvey, irmão mais novo de Easy Mo Bee e produtor de NTM e GZA dos Wu Tang Clan), Blastah Beatz, Stone e Confidence. 

Caracterizado essencialmente como um repórter de rua, Sacik descreve com uma autenticidade ímpar, muitas das suas vivências pessoais e o quotidiano dos subúrbios. É um exímio narrador de historias, que impressiona pelo realismo do relato, onde imperam letras sobre crime, desemprego, violência e a precariedade dos tempos actuais.




Y-NOT_Eu Decidi Ser Normal (Novo Album)‏



Y-NOT_Eu Decidi Ser Normal // DOWNLOAD

Jornalista francesa vai a salvador e escreve artigo sobre a vida do jovem rapper negro Davi da comunidade de pernambués‏



A vida de Negro Davi, e sua trajetória  contada pela francesa Caroline Sainsard em português

Negro Davi nasceu e cresceu em Pernambués (comunidade de Salvador conhecida por  seus problemas sociais como todas comunidades do Brasil,mas que dentro delas se esconde muita gente de valor. Caçula de uma família de quatro filhos, ele é educado por sua mãe que trabalhou muito para sustentar sua família. « Ela é uma guerreira », diz ele, « é ela que mais me inspira o mais, é minha melhora referência. »

As bases são colocadas. Mesmo que a rua seja seu campo de jogo, ele nunca esquece os valores maternais. Criança, ele enche seus dias com a escola de manhã, e futebol e boxe de tarde. O que ele prefere é o futebol. Joga na rua, mas também num clube. A mensalidade? Ele a paga vendendo amendoins.
Diz que a comunidade “foi sua faculdade” mas é o rap que o acorda. Graças a essa música, ele percebe o peso das imagens dominantes no seu bairro. “A referência era o branco”, explica ele, “todos os pessoas que conhecia alisava seu cabelo. Muito cedo, eu quis mostrar que o valor das pessoas não depende da cor da sua pele”.
No entanto, ele começa a escrever e a fazer rima e seus textos, deixa crescer seu cabelo e, símbolo supremo, a trança. No seu bairro, todo o mundo insulta-o – “o cabelo Black era para poucos nem todo mundo resistia o preconceito na adolescência ”, narra ele antes de precisar: “Eu nunca usei drogas.  na minha infância eu sempre procurei preencher meu dia a dia  relacionei a musica e educação.”

Adequando a palavra e o fato, ele cria um programa de radio comunitária para comunicar-se com os jovens de Pernambués, e para transmitir-lhes mensagens educativas e sociais. Já Davi atrai a atenção das mídias locais. A televisão liga-o para que fale de seu programa, e, mais tarde da comunidade negra no Brasil. No seu bairro, sua imagem começa a mudar. Os insultos viram admiração.
Negro Davi segue seu caminho. “Quero ter minhas coisas por minhas conquistas”, explica ele. Segundo o contexto, ele muda seus estilos, sua maneira de falar mas ele está toda a parte. No lado da musica, o novo estilo que Negro Davi criou misturando rap e samba de roda, tem êxito. Ele   gravou um CD e faz shows. No lado social, ele é convidado para contribuir com  ação do GAP,SINDILIMP(BA) co-fundador do GAEEC e segue falando da sua comunidade e participa de movimento sindical em  defesa dos trabalhadores . Outras organizações pedem-lhe sua ajuda (o Big Blog do Gueto e Viva Vida). Ele vira a referência do seu bairro e é convidado pelas escolas do seu bairro e de Camaçari para falar com os jovens.

Hoje, ademais das suas atividades voluntárias, trabalha de carteira assinada, (onde ele representa os jovens trabalhadores na isp internacional de serviços públicos pelo sindilimp(BA) e participa de uma programa de TV web(Nativa). Sua alegria maior? Conseguir a se alistar em vários projetos no mesmo tempo e ajudar as pessoas.
Olhando no futuro, ele gostaria de continuar a fazer o que esta fazendo agora, melhorando as estruturas em quais ele trabalha e desenvolvendo sua rede. Também, ele quer acordar os jovens e lhe transmitir uma mensagem de esperança. Seria uma vitória para ele que eles assumem sua identidade negra, tenham confiança em si mesmos e se implicam na sociedade para mudá-la. Esperando esse momento, ele da o exemplo levando no seu coração seu nome de guerreiro: Negro Davi. Uma maneira, talvez, de realizar um sonho seu: inspirar orgulho a sua mãe.

terça-feira, 22 de abril de 2014

O Noticiário Periférico é finalista do Premio Top Blog 2013/2014


Após anos ficando no Top100 e Top 30, este ano o blog Noticiário Periférico foi agraciado de estas entre os 3 finalistas, os 3 blogs foram escolhidos finalistas por um juri acadêmico. 

O Noticiário Periférico esta na final junto com o Portal Metal Revolution (atual Top2) (Rock) Distintivo Blue (atual Top3) (Blues) , os vencedores vão ser revelados no dia 25/04 durante uma cerimonia 



O Prêmio Top Blog é um sistema interativo de incentivo cultural destinado a reconhecer e premiar, mediante votação popular (júri popular) e acadêmica (júri acadêmico), os blogs brasileiros mais populares que possuam a maior parte de seu conteúdo focado para o público brasileiro, com melhor apresentação técnica específica a cada grupo (Pessoal e Profissional ) e suas respectivas categorias.

DJ Kay Slay – Enter The Cipher f. Papoose, William Young, Chris Rivers & Termanology

dj-kay-slay-enter-the-cypher

¡MursDay! - Tabletops

mursday-cover

Mano Brown Agradece as felicitações de aniversario #Video



Como noticiado anteriormente  hoje é aniversario do Mano Brown e o Pedro Paulo soares agradece com um vídeo no Instagram

Assista o vídeo aqui

No dia 22 de abril de 1970 nascia Pedro Paulo Soares Pereira, mais conhecido como Mano Brown, o rapper como todos sabem é vocalista do grupo Racionais Mc's, que é composto por Edi Rock,Ice Blue e Kl Jay.

O Mano Brown junto com o Racionais Mc's ajudaram a formar a ideologia de musica gente dos anos 90,2000 e até hoje,tanto uma ideologia etnica,quanto social, os racionais deram voz a um povo que não tinha.

Tanto que em 2008 o Mano Brown foi escolhido como um 100 maiores artistas Brasileiros, acho bem merecido pois as musicas dos Racionais sempre ecoavam nos barracos de madeira,nas casas de alvenaria e nas boates dos boy.


Assista o trailer oficial do documentario "O Rap pelo Rap"




Documentário, 73 min. Dirigido por Pedro Fávero.

A estréia do filme será no "Festival de Documentários IN-EDIT Brasil" entre os dias 1º e 11 de maio em São Paulo. O local e a data exata da exibição será divulgada ainda essa semana em:https://www.facebook.com/oRapPeloRap

SINOPSE:
Rap bom é rap antigo?
Rap e mídia combinam? 
Qual o futuro do rap nacional? 
Ninguém melhor para responder a essas e outras perguntas que o próprio Rap. Desde os primeiros a se arriscar no estilo até os mais recentes astros do underground. Opiniões, informações ou só viagens mesmo... Um filme indicado para interessados no Rap em geral e obrigatório para quem quer ser um DJ ou MC.

"O Rap pelo Rap" é uma produção 100% independente e colaborativa.




Entrevista com Pedro Fávero diretor e idealizador do documentário "O Rap pelo Rap"

Clique na foto para ler a entrevista 
Pedro Fávero é o cara por traz do documentário "O rap pelo Rap", recentemente o pedro tem soltado alguns teaser que tem tido grande impacto, e expectativa em cima deste documentário. ficou curioso..? acompanhe o que o mano tem a dizer sobre o documentário 



CURTA:

INSCREVA-SE:

CRÉDITOS:

Entrevistados: Dj KL Jay, Dexter, Sandrão RZO, GOG, Criolo, De Leve, Kamau, Shaw, Dj Nyack, Rael, M.sário, Sombra, Karol Conká, Nave, Dj Erick Jay, Neto - Síntese, Daniel Ganjaman, Marcello Gugu, Spinardi, Qualy, Spvic, Dj Sleep, Dj RM, Rapadura Xique Chico, Chino, Nissin, Bruno Silva, Forage, Geninho Beatbox, Lívia Cruz, Amiri, Bino, Jamés Ventura, Luca, Red Niggaz, Garcez Dirty Lion, Helibrown, Jota Guetto, Sau Santiago, Flow MC, Bitrinho, Coruja BC1 e Gabriel Flash.

Trilha sonora oficial: Laudz, Skeeter, Nave, Cabes, Rodrigo Tuchê, Jay Beats, Dj NatoPk, Neto - Síntese, Dj Paolo, Pok Sombra

Direção, roteiro, produção e edição: Pedro Fávero


Trilha sonora do trailer:
"Novo Batalhão" - Flow MC
"Criando Monstros" - Shaw
"Palavras (Viva, sonhe, faça)" - Rodrigo Tuchê Beats
"Na Gangorra - Enide (Instrumental)" - Neto
"Escócia" - Nave

-

CONTATO:
orappelorap@gmail.com

De La Soul ft. Consequence – Vocabulary Spills (Remix)


LOUCO!

IamSu! ft. Wiz Khalifa & Berner – What You About



VIDEO - Flatbush ZOMBiES – My Team Supreme 2.0 (feat. Bodega Bamz)



myteamsupreme20




Jennifer Lopez – I Luh Ya Papi (Remix) (feat. French Montana, Big Sean & Tyga)

iluhyapapiremix

VIDEO - ScHoolBoy Q – Studio (feat. BJ The Chicago Kid)

studio

Sarau Autoral no CCJ Convida Mano Réu

Espaço Aberto, traga seu livro e sua Poesia


Para comemorar o Dia Mundial do Livro o CCJ preparou um Sarau Autoral, onde produtores e apreciadores de literatura podem participar livremente.

O Sarau Autoral é um projeto da casa que chegou pra ficar e abrir as portas do CCJ para escritores locais. Nessa primeira edição o convidado especial é o Mano Réu.

Mano Réu é MC, escritor e produtor cultural. Lançou no ano de 2012 o disco “Mano Réu – Reinvenção”, é autor do livro “Amor Banto em Terras Brasileiras” e atua no Coletivo Literatura Suburbana nos projetos Reviva Rap e Coleção Literária Besouro. 

Se você gosta de literatura, quer conhecer mais sobre Mano Réu, e ainda gostaria de compartilhar do seu trabalho participe do Sarau Autoral!

Dia 23/4, quarta-feira, 20h. Biblioteca. Livre. Não é necessário retirar ingresso. 

VIDEO - Mc Atrevido [Uqquipega?!] - Hajime (prod. Sagazz Funk)


Hajime é uma música em homenagem ao Judô e a importancia dele na vida de muitos jovens menos favorecidos.
Nesse caso o Mc Atrevido do grupo "U Q QUI PEGA ?!" de Atibaia, SP fala de suas experiencias e também de como o judô socio-educativo serve de base sólida para muitos que não viam uma alternativa construtiva por falta de condições financeiras.
O grupo "U Q QUI PEGA ?!" teve seu nome lembrado pela Difusão Cultural de Atibaia em parceria com a prefeitura em um projeto de uma Oficina Gratuíta de Vídeo Clipes.
O resultado você confere aqui:







Zulumbi no SESC Santo Amaro. Alô Zona Sul!‏



Os fãs do Zulumbi já podem comemorar! Em abril, a banda se apresenta em São Paulo para lançar seu álbum homônimo de estreia. O próximo show é dia 25, no Sesc Santo Amaro.
O grupo, formado por Lúcio Maia (Nação Zumbi), DJ PG (Elo Da Corrente) e MC Rodrigo Brandão (vulgo Gorila Urbano), possui uma estética musical psicodélica e altamente percussiva, de letras positivas e forte identidade nacional. A formação mistura as rimas e o equipamento eletrônico, essenciais ao rap, com os elementos orgânicos liderados pela guitarra da mais importante banda do mangue beat. E, por que não dizer, uma das maiores do Brasil.
SERVIÇO:
Zulumbi @ Sesc Santo Amaro
DATA: 25.04
LOCAL: SESC Santo Amaro | Rua Amador Bueno, 505 – Santo Amaro, São Paulo
HORÁRIO: 21h
INGRESSOS:R$ 16,00 (inteira), R$ 8,00 (meia entrada)/ R$ 3,20 – (comerciário).As vendas começam a partir do dia 16 de Abril. Vendas online a partir de 14 de abril.


Um pouco sobre o Grupo

Aprofundar a conexão entre os batuques afro-brasileiros e o hip hop é o intuito deste super trio, que dispensa apresentações. A junção de Lúcio Maia (Nação Zumbi), o DJ PG (Elo Da Corrente) e o MC Rodrigo Brandão (vulgo Gorila Urbano) dá origem a um dos mais inventivos discos de 2014, pode anotar!

O lançamento virtual do disco Zulumbi é nesta segunda-feira, 03 de fevereiro. O presente para os fãs que bombaram os shows realizados em 2013 vem turbinado pelo iTunes: a faixa “Babe Vou Bombar” já sai como o single of the week no canal brasileiro. Isso quer dizer que a música estará em destaque e disponível para download gratuito, junto com o link para a compra do álbum completo.

A estética musical é psicodélica e altamente percussiva, de letras positivas e forte identidade nacional. A

formação mistura as rimas e o equipamento eletrônico, essenciais ao rap, com os elementos orgânicos liderados pela guitarra da mais importante banda do mangue beat. E, por que não dizer, uma das maiores do Brasil.

Como Brandão é o MC oficial da Zulu Nation no Brasil, com direito a batismo do criador Afrika Bambaataa, papa absoluto da cultura de rua mundial, o grupo foi nomeado ZULUMBI, uma junção que homenageia ambas as nações: tanto a do autor de Planet Rock quanto aquela fundada pelo saudoso Chico Science.

Composto por 10 faixas inéditas, o disco foi co-produzido por Daniel Bozio e conta com uma série de participações especiais.

Das cantoras Juçara Marçal e Anelis Assumpção aos jazzistas norte-americanos Rob Mazurek e Jason Adasiewicz, passando pela rapper Yarah Bravo (ligada ao cultuado selo inglês Ninja Tune), assim como os músicos Thiago França e Marcelo Cabral, muitos talentos desfilam suas colaborações no decorrer da audição. Sem falar nos companheiros de longa data, tanto do Elo da Corrente quanto da Nação Zumbi.

Ao vivo, o Zulumbi conta ainda com Marcos Gerez (baixo), Munhoz (microfone) e Roger Martins (percussão).

Enfim, trata-se de uma genuína festa para b-girls e mangue-boys celebrarem juntos. Sejam todos bem vindos ao cosmos do ZULUMBI!






Rudy - Pensa 2 Vezes ft Tchev Patrão‏


Pensa 2 Vezes ft Tchev Patrão

Pensa 2 Vezes é uma faixa que consta na Mixtape Curto e Objectivo 4, pra quem ainda não teve a oportunidade de baixar  mixtape
decidi soltar pra escuta essa track. 


MCK apresenta Pulseira USB da Rima Honesta


Muito Inovador isto!!!




MCK apresenta Pulseira da Rima Honesta:

Katrogí, tem sido dianteiro na implementação de fórmulas mágicas e alternativas de divulgação e consumo da sua arte, criando vários subprodutos com a sua Logomarca "MCK", seu novo artigo chama-se " Pulseira da Rima Honesta", uma Pen Drive de 4GB que transportará os 3 álbuns do artista, assim como os seus mais recentes Hits e Vídeos, Talatona, Cadáver Andante e Hino de 1 Kunanga (Remix), com particular destaque ao Video Clip do tema " Ghettos na Vertical" a ser estreado no Formato USB.
Aguardem pelas pulsações da Rima Honesta, a ser Lançado no dia 17 de Maio.


VIDEO - Fabio O'deal - Jesus de Nazaré Ft Whitney



Jesus de Nazaré é uma das músicas q fara parte da ''BEFORE'' q será lançada antes da Mixtape: MADE IN CAZENGA. Baseada em factos reais. Onde eu levarei pra vocês o q vivi durante a adolescência nas ruas do Tala-Hady. Ñ serei um dentre muitos q negam as suas origens,pois só Deus sabe pra onde vou mas de onde eu venho ñ
me esqueço.


Karol Conka canta alguns sucessos no Encontro com Fátima Bernardes

Karol Conká agita o Encontro (Foto: Encontro com Fátima Bernardes / TV Globo)

A atração musical do Encontro com Fátima Bernardes de segunda-feira (21) é a rapper Karol Conka. Conhecida internacionalmente, a cantora se apresentou com as músicas "Sandália" e "Boa Noite". No palco do programa, as crianças vestidas de super-heróis dançaram e curtiram a canção. 
Confira as apresentações AQUI

A MC moçambicana Iveth lança o clipe "4 Estações (remix)" com Miguel Xabindza



A musica 4 estações é mais um single do próximo álbum da rapper de moçambique..

Iveth!!!, é o nome da cantora moçambicana de Hip-Hop, igualmente conhecida por Nkosikazi e CBC.
Iveth caracteriza-se por ser uma Mc que não poupa esforços para demonstrar por palavras o que lhe vai na alma. Iveth é facilmente reconhecível pela rouquidão da sua voz, apresenta também uma abordagem intelectual e social, um estilo feminino...apresentado-se sempre nos palcos de saias para firmar a presença feminina no Hip-Hop. Iveth apelida o seu estilo de educativo, interventivo e positivo.
Para além de fazedora de Hip-Hop Iveth é Jurista, Docente de Direito e Activista de Direitos Humanos.

Parabéns Pedro Paulo Soares Pereira "MANO BROWN" #44anos




No dia 22 de abril de 1970 nascia Pedro Paulo Soares Pereira, mais conhecido como Mano Brown, o rapper como todos sabem é vocalista do grupo Racionais Mc's, que é composto por Edi Rock,Ice Blue e Kl Jay.

O Mano Brown junto com o Racionais Mc's ajudaram a formar a ideologia de musica gente dos anos 90,2000 e até hoje,tanto uma ideologia etnica,quanto social, os racionais deram voz a um povo que não tinha.

Tanto que em 2008 o Mano Brown foi escolhido como um 100 maiores artistas Brasileiros, acho bem merecido pois as musicas dos Racionais sempre ecoavam nos barracos de madeira,nas casas de alvenaria e nas boates dos boy.




Parabens Mano Brown pelos 44 anos!

Quero deixa abaixo o primeiro rap que ouvi na vida, por influencia de meu pai por volta de 94 ou 95 .. 

segunda-feira, 21 de abril de 2014

Entrevista com Pedro Fávero diretor e idealizador do documentário "O Rap pelo Rap"




Pedro Fávero é o cara por traz do documentário "O rap pelo Rap", recentemente o pedro tem soltado alguns teaser que tem tido grande impacto, e expectativa em cima deste documentário. ficou curioso..? acompanhe o que o mano tem a dizer sobre o documentário 


Primeiro fale um pouco sobre você,sua carreira..

R: Primeiramente obrigado pela atenção Noticiário Periférico e pela sua, leitor. Nasci em Serra Negra-SP mas moro em Bauru-SP há 4 anos, onde acabei de me formar em Comunicação Social - Rádio e TV. Durante o curso passei por quase todas as áreas do audiovisual, fazendo desde programas de rádio e de TV à curtas-metragens. O Rap pelo Rap foi o primeiro longa-metragem que tive o prazer de produzir, dirigir e editar, já no último ano da faculdade.

Desde quando você gosta de rap..? qual sua primeira lembrança.. 

R: Desde 2002 ouço bastante grupos que misturam rap com outros gêneros como Rage Against the Machine e Red Hot Chilli Peppers. Rap mesmo comecei a ouvir com frequencia a partir de 2007 com Sabotage, Racionais, Kamau, Beastie Boys, A Tribe Called Quest, Emicida... Mas o primeiro rap que eu ouvi na vida, eu tinha uns 7 anos: meu primo mais velho cantou pra mim uma música que ele tinha escrito num papel, uma composição dele, segundo ele mesmo. Achei muito loco na época, o cara era talentoso. Anos depois fui descobrir que na verdade era a música "Fogo na Bomba" do De Menos Crime...


Mano Brown Diz: "Racionais Nunca foi verdade Absoluta"

Clique na foto para ver a matéria
Pedro Henrique Fávero, diretor do documentário “O Rap pelo Rap”, disponibilizou um teaser  com a presença de Mano Brown.

Como surgiu a ideia de fazer o documentário "O rap pelo rap" ..?

R: A ideia surgiu em 2012, quando eu estava pensando no que fazer no meu TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) da faculdade, onde temos que fazer um produto audiovisual de nossa escolha. Nessa época estava muito interessado por documentários, influenciado principalmente pelo diretor Eduardo Coutinho. Ao mesmo tempo eu estava imerso no mundo do rap, ouvindo grupos novos a cada dia, participando de shows, rodas de rima, batalhas de MC's, pesquisando o Hip Hop... Quando percebi já tinha certeza do que queria fazer: um documentário sobre rap.

Fale um pouco sobre o documentário.. ele tem alguma temática em especial ..?

R: "O Rap pelo Rap" é um documentário com entrevistas e trechos de shows de conhecidos MCs, DJs e produtores do rap nacional. Desde Racionais, Dexter, GOG, De Leve, Sombra (SNJ), Kamau, Shawlin, Marechal, Ganjaman, DJ Erick Jay até os mais novos como Rapadura, Haikaiss, Síntese, Rael, Oriente... 

Os temas mais abordados foram:
- O que é o rap 
- O que mudou no rap do começo até agora
- A parte lírica e a parte musical do rap
- A relação rap e mídia
- O futuro do rap nacional 
-Dicas para quem quer começar no rap
entre outros...



Gog diz: "A rede Globo me chamou 6 vezes! e eu falei não!!"

Clique na foto para ler a matéria



Como foi este processo de escolha dos rappers,produção e tempo para conclusão deste projeto..?

R: Meu critério de escolha foi: entrevistar o máximo de MCs, DJs e produtores do rap que eu conseguisse ao longo de um ano. A ideia era tentar conversar com os mais experientes até os mais novos na cena. 

A produção foi totalmente independente, com um orçamento e equipe mínimos. A maioria das filmagens foram feitas em duas ou uma pessoa.

Comecei a produzir no final de 2012 e terminei de editar o filme no início de 2014. Agora estou na parte de divulgação e exibição do filme, o projeto ainda estará em desenvolvimento até 2015.

O que você busca mostra com este documentário..?

R: A ideia principal do documentário é ser um registro de pessoas que vivem o rap falando sobre ele. Não busco mostrar o que ou quem é certo ou errado, apenas propor discussões, ao meu ver pertinentes, sobre o rap nacional. 

Tem data exibição ..? como vai funcionar..?

R: A estréia do filme vai acontecer no Festival de Documentários IN-EDIT Brasil entre os dias 1º e 11 de maio em São Paulo. Daqui alguns dias sai o horário e local da sessão (acompanhe todas novidades curtindo a página https://www.facebook.com/oRapPeloRap ). O lançamento do filme em DVD e na internet será em 2015.


Neto (Síntese): "A caminhada é pessoal..." Teaser do documentário "O Rap Pelo Rap"

Clique na foto para ler a matéria

Amanha Terça Feira as 8 horas da Noite o Trailer Oficial



Pagina Oficial do documentário "O Rap pelo Rap"

VIDEO - 50 Cent – Chasing Paper (feat. Prodigy, Styles P & Kidd Kidd)

Snoop Dogg diz que Tupac sabia que ia morrer



Nesta entrevista o snoop fala sobre o processo de gravação, ele praticamente diz que o tupac era uma maquina de fazer letras e gravar, ele chegou a fazer e gravas 3 musicas em 1 hora, ele diz que o tupac sempre tinha pressa em gravar suas musicas.. veja o vídeo e intenda melhor..

Comente!

Comente!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | WordPress Themes Review