quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Materia desse Mes é Sobre Racionais Mc's Parte II


Especial Racionais - Parte II
Especial: Sobrevivendo no Inferno - O disco

Depois de 4 anos sem lançar um álbum, o grupo Racionais MCs surpreendeu e revolucionou a música Rap Nacional com o disco “Sobrevivendo no Inferno” (1997). Um CD cuidadosamente planejado.

Destaques do CD comentados pelos próprios integrantes, na época do lançamento.

Jorge da Capadócia - Uma versão para a música “Jorge da Capadócia”, de Jorge Bem Jor, abre os caminhos percorridos pelas doze faixas deste trabalho que aborda a tensão e o amor no cotidiano negro e periférico. Um ritual afrobrasileiro que fecha o corpo e pede passagem. Mostra humildade e respeito. Na época, Mano Brow comentou : “Ele fala de Ogum, de São Jorge, um santo guerreiro que abre caminhos. A gente precisava disso.”

Gênesis (Intro) - “Em todos os discos dos Racionais a gente fala das armas, das drogas, das tretas, da bandidagem. O lado religisoso entra em comparação, quando as coisas se cruzam: quando a arma cruza com a palavra da Bíblia... quando usar a Bíblia vale mais do que usar uma arma e quando a Bíblia pode te ajudar pouco na situação.” Mano Brow

Capítulo 4, Versículo 3, Rapaz Comum, Fórmula Mágica da Paz e Periferia é Periferia - “Musicalmente o “Sobrevivendo no Inferno” até que é bem leve. O peso está nas letras.” Kl Jay

“O disco é mais pesado em sentimento.” Ice Blue

“Quando você fala de coisas que estão muito longe de você, tipo menores de rua, a miséria, você generaliza muito, teoriza. Mas quando você fala daquele mano, daquela casa, o dia que ele morreu, aí mexe mais, fica mais pesado.” Mano Brow

Diário de um detento - “Tem uma música minha que tem um depoimento de um cara preso na Detenção. A letra é parceria minha com o cara, mas é o que ele pensa, eu nunca fui preso. Eu só lapidei pra encaixar nas batidas, porque ele fez o Rap dele reto, não tinha ritmo. Aí eu coloquei ritmo e umas palavras minhas.” Mano Brow

“Nós fomos jogar bola na Detenção. Fomos convidados por um camarada que ta lá. Aí chegou lá, os caras reconheceram a gente, uma puta recepção. Aí chegou um cara e falou: Brow, vamos aí na cela dum maluquinho, ele faz umas letras de Rap, ele gosta muito do trabalho de vocês. O Brow foi e ele deu a letra.” Ice Blue

Qual mentira vou acreditar? - “No nosso caso, do mesmo jeito que a gente aponta o negro limitado, aponta o traficante. Se formos falar das minas, tem que apontar uma falha também.” Ice Blue

A influência. As Mudanças (entre 1997 e 2002)

• O CD dos Racionais aproximou a religiosidade do pensamento secular. Depois do álbum “Sobrevivendo no Inferno”, grupos como Sistema Negro, RZO, Realidade Cruel, entre outros, vieram com letras seguindo a mesma linha. Freqüentemente, as palavras da Bíblia passaram a ser rimadas e incorporadas ao discurso do rappers;
• O encarte vem com fotos dos integrantes acompanhadas de frases que fazem parte das letras do CD. Amigos, parceiros também figuram no encarte. Uma parcela dos grupos de Rap Nacional, que segue a linha periférica, seguiu esse exemplo, em seus CDs;
• Camisetas, bonés e outros acessórios com o nome das quebradas e favelas de diversas partes do país passaram a fazer parte da vestimenta do jovem da periferia;
• O Rap é consumido, de forma ampla, pelas classes média e alta;
• A relação entre Racionais e a televisão, passou a ser copiada por um vasto número de artistas do Rap Nacional;
• A mídia não percebeu a complexidade do nosso Rap, só enxergou uma parcela da cena: os grupos que se pareciam com os Racionais, ou tivessem um discurso com temática social e periférica;
• A rádio 105 (FM) passa a tocar o mesmo estilo de Rap. A maioria dos grupos usa as mesmas idéias e referências;
• Artistas com outras propostas começam a criar suas músicas, selos e festas. Em São Paulo, grupos como SP Funk, SNJ, e MCs como Espião, Max BO, Kamau e Parteum se destacam;
• Apenas em meados do ano 2000, a grande mídia descobre a movimentação que se iniciou em 1995/96, no underground e na nova escola do Rap Nacional. A cena carioca se apresenta: Marcelo D2, Quinto Andar, Inumanos lançam CDs e clipes, entre outros grupos que se destacam;
• O grupo de Rap paulistano Facção Central conquista reconhecimento com ênfase em suas rimas, radicalizando assim, o discurso dos Racionais MCs;
• A gravadora Trama contrata grupos de Rap, entre eles estão Camorra, Potencial 3 e Da Guedes;
• A cena gospel se fortalece. Em Brasília a sonoridade gangsta e a temática periférica continua em alta, mas outros estilos começam a se desenvolver. O nordeste entra em cena com grupos como Faces do Subúrbio, Clã Nordestino e Agregados Família do Rap.

Materia loka tai pra vc toda historia desse classico do rap nacional...

Todos os Creditos sao::Bocada Forte

15 comentários:

  1. muito loko meu irmão otário é quem diz que a letra dos cara excita a viôlencia essa tal de globo ae o emissora zinha sem futoro...

    ResponderExcluir
  2. ae tranquilão , pow cara to qerendo sabe qem foi o GUINA no racionais to sabendo qele esta na presença de DEUS .
    HUM ABRAÇO...

    ResponderExcluir
  3. as musicas de racionais e´ oconsolo pra humanidade quem ouve racionais reconhece que a musica n e pra qualquer um a visita e sagrada safado n atravessa n

    ResponderExcluir
  4. ai eu ouvi um depoimento de um maluquinho chamado guina e gostaria de saber se realmante ele é do racionais mc´s .ou se é um oportunista pegando carrona na fama dos manos do racionais por favor me esclareçam obrigado ............

    ResponderExcluir
  5. cara o guina da musica nao existe de verdade...o guina q diz q ja foi dos racionais..ta se aproveitando..da fama dos racionais pra ganha dinheiro..isso é q eu sei mas quem tiver provas...q ele foi dos racionais madem ai...!!!

    ResponderExcluir
  6. ai irmao valeu mesmo falar da vida dos cara do racionais, ai vc falou da historia dos cara dos menbro mais nao falo do guina... o cara que começou com os racionais...alem do guina gostariamos de saber o que é racionais hoje em relação a DEUS, o passado eu hoje
    ai meu msn é
    joaocarlos_tipo_a_@hotmail.com

    valeu mesmo galera...salve

    ResponderExcluir
  7. MEU PRA FALA A VERDADE A MELHO MATÉRIA QUE JÁ LI,TANBÉM NEM É TÃO DIFICIL FAZER SUCESSO FALANDO DE RACIONAIS O MELHO GRUPO DO MUNDO.EU SO SUSPEITO FALA POIS SO UM SUPER FÃ DOS CARA..............

    ResponderExcluir
  8. por favor preciso saber a verdade sobre o guina, se foi mesmo dos racionais, se fez tudo aquilo que ele diz em seu testemunho se tudo o que ele diz é concreto.

    ResponderExcluir
  9. manda o povo da globo ir pra favela mano pra eles ve como e a vida da periferia.

    ResponderExcluir
  10. ai, primero me presento soy u, polaco soy aRGENTINO VIVO EN SaO PVULO SONa NORTE. Y SOY UNOS DE ESOS CaRaS , ME SIENTO UN RaCONaIS MCS, MaIS , FICO ESCUTaNDO RaCIONaS RS.,PaRaBENS RaCIONaIS...

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. os cara arrazan até hoge irmão so fazasso deles e senpre serei,ai eles são os melhor!!!

    ResponderExcluir
  14. Olá pessoal.. estou encabulada aqui com umas coisas .. o Guina (ex racionais) como ele diz, esteve em minha casa em junho de 2010, ficou aqui uma semana, evangelizando e talls .. mais nunca vi ele no grupo do racionais, e como ele tem uma tatuagem escrito "snoop dogg" no braço, pesquisei aqui na internet .. e vi que o proprio snoop dogg É IDENTICO ao guina. Se vcs nunca notaram, vá ao google procura foto do guina, e dps procure foto no snoop dogg .. desculpe, mas algo esta estranho. Vcês vão entender quando ver a aparencia. A unica coisa que muda, é que o snoop dogg ta mais "bronzeado" e o guina não.

    ResponderExcluir