quarta-feira, 21 de novembro de 2007

T.I. desafia provas em caso de posse de armas


Advogados de T.I. entraram com moções na corte federal de Atlanta na terça-feira (20 de Novembro), com o intuito de suprimir provas e declarações que eles acreditam terem sido obtidas de forma ilegal.

Segundo a Associated Press, advogados do rapper alegam que o veículo que ele estava dirigindo no dia em que foi preso foi revistado sem um mandado ou causa provável, e que as declarações que T.I. deu aos agentes do ATF podem não ter sido voluntárias.


Em notícia relacionada, a Grand Hustle e a K.I.N.G. Foundation de T.I. organizarão um jantar de ação de graças para famílias carentes na quinta-feira (22 de Novembro). Além disso, o rapper doará 400 perus em Atlanta: 200 na costa leste e 200 nas costa oeste.

No começo do mês, T.I. entrou com um pedido para organizar um jantar de ação de graças para sua família em sua casa. O rapper retirou o pedido na sequência, devido a acusações dos prossecutores.

T.I. não poderá comparecer ao evento de caridade em virtude de sua prisão domiciliar.


Fonte: centraldorap

Nenhum comentário:

Postar um comentário