quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

Caso de Akon é adiado para nova data


O cantor de R&B Akon, que está sendo acusado de ferimento de segundo grau e de colocar em risco o bem-estar de um menor, teve seu caso adiado para 5 de março por um juíz de Fishkill.

O incidente ocorreu no dia 3 de junho no Dutchess Stadium em Fishkill (120 km ao norte da cidade de Nova York). Testemunhas disseram que alguém da platéia atirou um objeto contra Akon e o cantor pediu que fosse dito quem era o responsável.

Um segurança, então, pegou um adolescente de 15 anos na platéia e o levou até o palco. Akon o elevou e o jogou contra o público, acertando uma mulher na platéia.

Em abril de 2007, Akon enfrentou críticas por uma performance no palco com uma garota de 14 anos em Trinidad. O rapper depois pediu desculpas, dizendo que não sabia que a jovem era menor.

Fonte::Central do rap

Nenhum comentário:

Postar um comentário