terça-feira, 18 de março de 2008

Empresário do D12 é acusado formalmente


O empresário do grupo D12 de Eminem foi acusado formalmente ontem (17 de março), de estuprar e drogar duas adolescentes de 16 anos de idade.



Como noticiado anteriormente, Jeremy Geffen, 35 anos, foi preso na sexta (14 de março), por alegadamente ter abusado sexualmente das duas garotas.



Segundo a Associated Press, Geffen recebeu 14 acusações, incluindo estupro por uso de drogas, estupro de uma pessoa inconsciente e fornecimento de cocaína para menores.



Autoridades revelaram na semana passada que Geffen vinha sendo investigado desde outubro do ano passado, após uma adolescente ter revelado à polícia incidentes que ocorreram em clubes de Hollywood e na casa de Geffen em 2006 e 2007.

A fiança de Geffen foi estipulada em US$ 2 milhões.

Jeremy Geffen controla a Jeremy Geffen Entertainment, que também representa Sean Paul do Young Bloodz e o produtor Young L do grupo The Pack da Bay Area.



Fonte: Central do Rap

Nenhum comentário:

Postar um comentário