quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Rapper Dugueto apresenta novo show no CCJ


No dia 27 de agosto, o músico Dugueto Shabazz se apresentará no Centro Cultural da Juventude,  zona norte de São Paul
Em formato com Dj, backing vocal, mc, a participação de Gaspar (do grupo Z`África Brasil) e um reportório bem elaborado, Dugueto leva para o público seu jeito de pensar através de rimas que discorrem sobre à noite, diversão, violência, desafios e os encantos de se viver numa cidade que não dorme.
Com vocais baseados no flow de rap e em cima de bases eletrônicas, o show é um convite pra quem ama as culturas das metrópoles e busca uma música que põe para dançar, e aborda temas contemporâneas da Cidade. 
Dugueto começou a compor rap e poesia aos dez anos de idade por influência de seus tios. Dançou breaking e tentou grafitar, mas sua maior habilidade consistia em se expressar através das palavras. 
No início dos anos 2000 publicou seus primeiros poemas na imprensa alternativa e de orientação esquerdista e formou uma banda chamada Extremamente, que tocava em saraus e pequenos eventos comunitários nas periferias da cidade.
 Em 2003 passou a integrar o Clãnordestino, extinto grupo de rap maranhense que residindo em São Paulo e convidou o rapper para sua primeira turnê pelo país. Além de diversas cidades brasileiras, Dugueto teve a oportunidade de excursionar para a França durante um mês, realizando shows e oficinas. Após a dissolução do grupo em 2005 Dugueto Shabazz continua se apresentando em saraus e realizando oficinas culturais, até que em 2006 lança seu primeiro livro “Noticias Jugulares: Contos, Crônicas e Poesias Dugueto”- Ed. Toró - SP e imprime seu nome em meio a cena de literatura marginal.
 Em 2007 funda o grupo Denegri, mesclando música africana, brasileira e hip hop. Mesmo não tendo gravado oficialmente nenhum trabalho a banda teve grande repercussão na cena underground da época.
 Dugueto representou o Brasil através de sua arte recentemente na 40a Feira Internacional do Livro de Buenos Aires. Antes disso, sua escrita e música já haviam o levado à países como Cuba, Venezuela, França, Canadá e Uruguai, tendo poemas traduzidos para o espanhol e publicados na Argentina e no México e mais recentemente no Chile.
 Em 2013 começa a projetar um novo show e um novo momento criativo intitulado #SomosTodosDugueto, com influências da música eletrônica mescladas ao hip hop às sonoridades brasileiras. Em 2014 é premiado pelo governo federal com o Prêmio Cultura Viva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário