terça-feira, 25 de dezembro de 2018

Opanijé, Nelson Maca, Wall, Aspri RBF e Xarope MC se juntam para falar sobre o genocídio do povo negro


No ultimo dia 20 de dezembro, foi lançado o clipe "Moço Lindo do Badauê", em homenagem ao Mestre Moa do Katendê, no Sarau Bem Black. O som é fruto de uma parceria entre os rappers do Opanijé, Wall, Aspri RBF e o Xarope MC, além do poeta Nelson Maca. O clipe tem concepção musical e base de Dj Gug e AquaHertz

Gravado na  Ladeira de Nanã e Praça dos Artistas, no Engenho Velho de Brotas – onde aconteciam os agitados ensaios do Badauê.  O trabalho contou com as participações dos rappers Lázaro Erê e Rone Dundun (Opanijé), Aspri (RBF), Xarope Mc e Wal Cardozo, dos dançarinos Negrizu (Moço Lindo do Badauê), Renilda e Samona, do grupo de capoeira Dendê de Aro Amarelo, da Casa Branca, além de Nelson Maca e Jorjão Bafafé

A letra protesta contra o genocídio do povo negro e questiona as mortes de Marielle e Moa do Katendê que impactaram o país. 
Assista:

Follow Us