quinta-feira, 28 de julho de 2016

Conheça o grupo UNDERGROUND NASTY


INTRODUÇÃO 
UNDERGROUND NASTY é um agrupamento musical que vem fazendo o rap desde 2001 o mesmo ano que este foi fundado por jovens amigos e irmãos denominados Nino-fella e Megga Bus a.k.a (Edson José D. Tomo e Evigildo José D. Tomo). Este ano foi de muita luta visto que o agrupamento começou, graças à ajuda dum jovem Mileka (Aco) seguiram os primeiros passos escrevendo algumas líricas; não havendo estúdios de gravação estes gravavam em cassetes com um rádio gravador que no tempo este era feito encima de batidas americanas. Fazendo assim o estilo característico Underground Hiphop. 
PERCURSO 
Nos meiados de 2001 o mentor deste grupo (Ninofella) ausenta-se indo assim continuar os seus estudos na Província de Sofala concretamente na Cidade da Beira carregando sempre a U.Nasty em mente, ficando os outros membros em Tete, o seu imão continua também em Tete a dar percurso o que os dois tinham iniciado, juntando alguns bradas da zona dando alguns toques de música, estes uniram-se avançando com o projecto. Megga Bus unidos ao Nokia L.Chakas, Black Gun, Black L, General Ding fortificaram o grupo em Tete participando em muitos shows da Cidade conquistaram a confiança ao público sendo assim considerados os MCS do momento. 
Nem por ai parou o agrupamento, doutro lado do Chiveve o Ninofella lutando pelo enquadramento visto que quanto ao Hiphop; aquela Cidade andava a passos largos. O Ninofella reecontra-se com um velho amigo Miggy B um Mc de Niassa e daí uniram levando o nome Underground Nasty avante compondo algumas letras junto com a irmã LadyB, Correndo com o tempo estes integram mais um Mc no grupo (Lina Heavy (irmão de Lina Chimo)), só que não havia forças suficientes em levar o barco a um bom bordo. A esperança ai era grande neste jovem (Ninofella) andou cocheando foram-se os tempos em vazio sem ainda projectos em manga. 
Tete sendo uma Província sem grandes instituições de ensino, um dos seus companheiros por sinal coleccionador de músicas, com quem trocava músicas quando estavam em Tete, O Mo.Broooks, vai à Beira continuar a sua formação profissional, deram de vista novamente e o clima continuava, troca de músicas. 


Acontece que estes residiam no mesmo “place” no Lar dos Estudantes do Instituto Industrial e Comercial da Beira então houve a mais valia correspondência, o Ninofella incorpora o seu amigo Mo Brooks no agrupamento e assim começaram a ter planos futuros a favor do grupo e não se esquecendo dos bradas de Niassa ( Lady B, Miggy B e Lina Heavy) começam a ter planos para gravar os primeiros singles mais sempre houve fracassos por causa de caprichos de terceiros e assim o Ninofella definitivamente decidiu pegar o barco andar com o Mo Brooks. 
As cenas doutro Lado de Tete não estavam paradas com a vinda do grande produtor (fiften-que Deus o tenha) em Tete abre horizonte aos outros U.Nastys em deixar gravados alguns números. O Megga Bus e O Black Stanho gravam um single que se tornou uma referência e muito contestado visto que criticava algumas figuras da Cidade de Tete como por exemplo o nosso jornalista Amarildo Romão, agravou consubstancialmente quando actuaram num show no cine Kudeca (Antigo Cinema de renome em Tete, destruído para dar lugar a construção de um Hotel de 4 estrelas). Despertando assim os Mcs que estavam a estudar na Beira para a gravação o mais rápido possível do seu track “desdo rovuma ao Maputo”. Depois deste track gravado tornou-se um sucesso visto que era muito tocado nas rádios da Cidade da Beira. 
Foram avançando com mais projectos a desejar, o Nino-fella e o M.O. Brooks acharam conveniente integrar mais um membro que era admirador do agrupamento este tornou-se mais um Mc da banda; o Marimon (aka Original Skill). Depois do Ninofella concluir os seus estudos juntamente com o Marimon volta a Tete com muita garra afim de bazar sem paragem e logo surgiram avanços no agrupamento visto que voltaram a se unirem em Tete montando o seu estúdio de gravação. 
Começaram a fazer as suas primeiras gravações numa faze experimental e daí com experiência e maturidade fortificaram o estúdio trabalhando dia e noite em busca duma personalidade. O Ninofella e Megga produziram vários jovens da cidade de Tete e conceituados músicos de renomes. 

É de invejável reconhecimento que eles tiveram em caminhar com os músicos da praças estando a oferecer produtos de qualidade a todos utentes que procuravam os seus serviços. Em 2007 lançam um single intitulado “arroz com boi” que contou com a participação de um Mc daqui da praça Metal Negro, este single causou muito furor no seio da população por causa do seu tema. O pessoal tornou-se fã dos Underground Nasty pelo calor que transmitido em digressões que faziam parte. 

DISCOGRAFIA 
ALBUNS 
Underground Nasty - Mixtape (2004 à 2005) 
Underground Nasty - Negritude 1 (2006 à 2007) 
Underground Nasty - Negritude 2 (2007) 
Ninofella – Tempestade 23 (2006) 
Ninofella – Relatos (2012) 
Megga Bus (2006) 
Megga Bus – Viagem sem Paragem (2011) 


NOVOS TEMPOS 
2014 sendo o ano que o estúdio completou 10 anos de existência, os músicos que fazem parte deste estúdio reuniram depois de longos anos para trabalhar o album La Familia. Evidenciando a inclusão como característica forte do album, Ninofella e Megga Bus Convida vários Mc’s a fazerem parte do mesmo nomeadamente: 3000 Watts, Big Shot, L2, M.O Broocks, Squad Face, Driffa, Black Sense, KDS, Slave Demo, XB, Conexão Mensageira, J.Soul, Hot Boy, Blue World, Drum Bit, Alma Pura, D2K, Nigga James, Big Master, Key Board e Desusado. 

RESUMO ALBUM LA FAMILIA  
O album La Familia começa a ser produzido em 2014 e o ano 2015 foi reservado para as misturas das vozes e sai para o mercado  no dia 01 de Agosto de 2015. 
Contando com 18 temas, o disco carrega uma forte mensagem da família, resgate aos perdidos no mundo mundano e fortalecimento das bases do Hiphop e lealdade ao movimento. 
As Instrumentais deste album estiveram ao cargo do In your Mind (Mega Bus) excepto a instrumental da musica 11 esteve ao cargo do Producer/Rapper Drifa.
Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top