terça-feira, 11 de abril de 2017

DJ Miria Alves cria projeto para ensinar mulheres a mixarem



“TPM - Todas Podem Mixar”: DJ cria projeto para ensinar mulheres a mixarem.
Em um mercado predominantemente masculino, DJ Miria Alves resolveu criar um projeto inovador direcionado as mulheres. A oficina TPM - Todas Podem Mixar é um espaço de aprendizado e acolhimento onde manas e monas poderão aprender técnicas básicas de mixagem que contribuam para o aumento de mulheres na profissão de DJ.
Após os sucessos das duas primeiras oficinas, TPM vai para sua 3ª edição e a data já está confirmada. No dia 26 de Abril, das 18h às 22h, no espaço Disjuntor, DJ Miria recebe mais um grupo de mulheres que querem expandir seus conhecimentos e, assim, aumentar a representatividade  na modalidade DJ.
A oficina propõe uma conscientização por meio da educação musical com base na cultura hip hop e na metodologia de aulas teóricas e práticas, com equipamentos profissionais. Destinado a mulheres, visa incentivar o potencial das minas e monas no segmento da mixagem e orientá-las como se sobressair numa área de atuação predominantemente masculina.
“A TPM é um projeto que foi pensado para  mulheres, quero que elas participem da minha oficina e sintam-se à vontade para construírem e compartilharem comigo. Não é só uma aula de mixagem, é um espaço de acolhimento, formação, aperfeiçoamento e eu faço questão de contemplar as manas e as monas”, destaca DJ Miria Alves. 
As inscrições da oficina já estão abertas e o investimento é de R$ 75,00 reais. Além do certificado de conclusão, a TPM em parceria com a marca DOBE Case irá presentear as alunas com uma BAG mega estilizada.


Sobre DJ Miria: 
DJ Miria Alves nasceu no Itaim Paulista, na zona leste de São Paulo. Turismóloga de formação, é DJ profissional desde em 2010. É conhecida por agitar as pistas com uma mistura entre o Jazz e a MPB e batidas da Black Music e do Hip Hop. 

De sua trajetória, conquistou o 2º lugar no campeonato de mixagem da Numark Brasil; participou do Campeonato Amateur DJs SP; dos festivais Batom Battle e do Festival Satélite, em Brasília. Foi DJ do grupo D'Quebrada Rap; integra o álbum Mulheriu Clã; se apresentou com a MC e DJ Luana Hansen por cinco CEUs de São Paulo; participou como DJ da cantora Tássia Reis em shows no Sesc Piracicaba, Niterói, São Paulo e Uberlândia. Na Argentina, DJ Miria participou do Killing The Beat – Encuentro de Hip Hop, a convite do coletivo Tormenta.
 
Foi indicada ao Prêmio Movimentos Criativos, na categoria Negócios (dez 2015) e uma das finalistas do Prêmio Sabotagem (março 2016). Tem experiência como apresentadora e mestre de cerimônias. Ministra oficinas de DJ e Mixagem. Em 2014 criou sua produtora, a  Groovetown. É idealizadora do projeto SessãoTPM - Tração Poética Musicalizada, onde convida MCs para um encontro musical de rimas. É DJ do grupo de danças urbanas "Gurias"; e DJ do MC paulistano Timm Arif. Com as DJs BadSista e Flavya, produz o podcast semanal URBANA, onde misturam suas pesquisas musicais, produções autorais e disponibilizam um mix de estilos como Bass e Black Music.

Serviço: 
Público-alvo: Manas e monas a partir de 15 anos.  
Investimento: R$ 75,00

Local: Disjuntor (R. da Mooca, 1747, Mooca – SP)
Data: 26 de Abril, das 18h às 22h


Link do evento: http://migre.me/wnZ3b
Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top