sábado, 1 de abril de 2017

Hebreu Indica #5 - Bruta Flor, Cíntia Savoli

Estamos na quinta indicação.
Bruta Flor é nome do seu álbum lançado em 2015
Conheci a Cíntia Savoli, depois que fiz um artigo do qual eu indicava 7 mulheres do rap brasileiro que as pessoas deviam conhecer.
Porem a lista saiu bem bairrista não de propósito, mas por ignorância minha de não conhecer o trampo de mulheres fora do cenário paulista.
Após isto vários amigos e amigas me indicaram varios grupos e mcs femininas que são de fora do eixo Rio São Paulo, uma das indicadas era a Cintia Savoli.
De prima já vi que ela não tava de brincadeira no rap, sons e rimas pesadas, não desperdiça rimas só ideia reta.
Cíntia Savoli nasceu e cresceu numa família musical, onde sua mãe é cantora e pianista e sua irmã é pianista, alias a Cíntia também é.
Ela começou na musica numa banda de reggae em brasília onde ficou por 7 anos.
O que da historia voce pode conferir na entrevista que ela concedeu ao Leocasa1 do RapBOX. - Ep.105 - Cíntia Savoli - Trocando Ideia


Não lembro exatamente qual o primeiro som que ouvi da Cintia, mas acho que foi o "Sobrevivendo da rua" que é um som em parceria com a Mirapotira (mina zica nas rimas).

O amor é como uma planta não regar morrer, se dizer me amar tem que respeitar meu corre"




Desde então tentei acompanhar o trampo dela, pois é difícil conseguir acompanhar todos estes lançamentos e ainda administrar tempo pra ouvir os artistas que eu gosto.

Em setembro do ano passado a Cíntia veio a SP e participou do RAPBOX, onde foi entrevistada e lançou um som inedito chamado "Caixa de Pandora".





Um trampo bacana que gosto da Cíntia é no Quebrada Groove onde ela se apresenta junto com a sua parceira Mirapotira que juntas são o "Rima dela". Procure saber quem é a Mirapotira.


Em 2015 a Cintia, lançou o álbum "Bruta Flor" que da nome ao titulo da matéria. O nome do disco vem porque era assim que amigos a chamavam, acho que é definição perfeita, pois ela é bruta nas ideias fi, a "bicha" chega foda nas rimas.




01 - Guardado (Intro) (00:00)
02 - Passatempo (Part. Morango NE) (01:32)
03 - Ateliê da Maldade (Part. Diego 157 e Galf) (05:48)
04 - A realidade é essa aí (Interlúdio) (08:40)
05 - Chuva de inspiração (08:48)
06 - Na arte, na cultura, na educação e no Hip-Hop (Interlúdio) (12:28)
07 - Bang-Bang (Part. Ravi Lobo) (13:33)
08 - Começo do fim (Part. Tiago Negão) (17:19)
09 - Paz, justiça e liberdade. É nóis! (Interlúdio) (20:06)
10 - Infância (20:17)
11 - Livramento condicional (Outro) (23:01)
12 - Forjados (Part. Samuel PX) (Faixa Bônus) (23:56)
13 - Voz dos excluídos (Part. Vandalismo Poético) (Faixa Bônus) (27:45)

Mp3 (320kbps) // DOWNLOAD


Pra terminar, vou deixar 2 cyphers que a Cintia participou o primeiro é do projeto "Seleção Brasileira de Rimas" e o segundo foi no CypherBox "Efeito Borboleta".


Seleção Brasileira De Rima
Projeto idealizado por Jô Maloupas e Negotinho, cuja ideia é agregar artistas da periferia e dar visibilidade ao seu trabalho! Essa é a bola da vez! Um clipe e música em parceria com Omnira, Odisséia das Flores, Jana D'Notria, Juliana Sete, Bruna Muniz, Lilian DuGueto, Cintia Savoli e TflowMc.




Participantes: Livia Cruz, Cintia Savoli, Taz Mureb, Sara Donato, Issa Paz & Meire D'origem






Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top