sexta-feira, 12 de maio de 2017

Poesia do leitor - Este negro que vos fala é cara desta pátria mãe nada gentil.




Este negro que vos fala é cara desta pátria mãe nada gentil.
É o mesmo que segura em suas mãos um fuzil,
Que lhe foi dado de presente pelo estado negligente!
Incompetente no que se diz respeito à nossa gente.

Este negro que vos fala é refém do preconceito,
Teve seus antepassados chibatados pelas costas.
Caçados como bichos por seres que não valem suas fezes;
Canalhas que em nome da igreja e lei arrancavam suas peles!

Aquilo que foi passado, nem o tempo foi capaz de mudar;
Aquilo que foi passado ainda se faz presente:
O negro não tem seu livre arbítrio respeitado
Nem no século XXI, meu chegado!

Este negro que vos fala é mais que traz consigo ás marcas do preconceito:
Jovem pobre, periférico e negro
Não tem direito aos seus direitos!

isso é poesia!
Isso é protesto!
Isso é Brasil,
País do retrocesso.

AK

Italo
Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top