domingo, 18 de junho de 2017

Como uma gangue Porto-Riquenha (Ghetto Brothers), um membro dos Black Panthers e a morte de um jovem líder negro foram a faísca na criação do Hip Hop


O Hip Hop hoje é uma cultura conhecida e reconhecida mundialmente pelo seu poder de conscientização, seu discurso de paz e harmonia,.
Claro que também é conhecido por causa de seus 4 elementos que são: DJ, MC, B.Boy, Grafite e o Rap. Um dos mcs pai do Hip Hop (Krs-one) diz que o conhecimento é o quinto elemento porque une todos os 4.

Infelizmente recentemente morreu o "Yellow Benjy" o grande líder dos Ghetto Brothers. Até a sua morte eu não sabia quem ele era e nem sua importância. 
A morte dele só me chamou atenção porque a alguns meses atras eu havia comprado uma HQ sobre a gangue da qual ele foi líder, esta HQ conta exatamente a historia da Pré existência do Hip Hop.
O nome é GHETTO BROTHERS "UMA LENDA DO BRONX".
Nesta HQ conta a vida do Benjamin Melendez, de como ele se torna o Yellow Benjy, a formação dos ghetto brothers até o principio do hip hop e passando pelos dilemas pessoais da vida do Benjy. É uma HQ da vida real.

Ghetto Brothers foi uma gangue formada em sua maioria por Porto Riquenhos, ela foi a maior gangue de Nova York ela se tornou tão grande que tinha ramificações em outras cidades e bairros.
As gangues iam aumentando de acordo com o aumento da violência em Nova York, nos anos 60 e 70 o Bronx era um bairro horrível sem nenhuma intervenção do estado a não ser representado pela força bruta policial. 
O bairro ficou violento e com a especulação imobiliária, obras que nunca foram feitas, afundou prédios e comércios da região e os deixou em ruínas.
Como havia mais de 100 gangues na cidade de Nova York a violência estava gigante, pois o sistema destas gangues eram territoriais, cada gangue tinha seu território, suas regras, mas a regra que ambas tinha em comum era não pisar em território "inimigo" usando o "fardamento" de sua gangue.
Você entrar num território de outra gangue com seu fardamento era a mesma coisa que alguém da gaviões entra na  sede mancha verde com a roupa da gaviões.

Num dia qualquer Joseph MPA ativista militante dos Black Panthers, numa missão de tentar mostrar para os lideres de gangues que o inimigo era o estado e não eles moradores do gueto, procurou os Ghetto Brothers pois sabia que o Benjy era flexível.


Joseph foi ao Bronx na sede dos Ghetto Brothers e falou com Benjy sobre: educação, saúde, o porque daquela situação social caótica mostrando que a saída era a união das gangues pois o inimigo era o estado. Joseph plantou a semente da pacificação.

Após este encontro o Benjy decidiu que os Ghetto Brothers tivesse um conselheiro de paz. 
O escolhido foi um membro chamado "Black Benjy" que era conhecido e amado por todos por ser calmo.
Num determinado dia numa "reunião" entre as gangues do Bronx, Black Benjy chega com um discurso pacificador, porem não colou e espancaram ele até ele ficar desacordado e morrer no hospital.

A morte do Black Benjy era para ter desencadeado uma matança geral quase uma guerra civil, pois todos os membros do Ghetto Brothers queriam vingança, tanto que um dos lideres chegou a capturar alguns membros de gangues rivais para interrogatório, mas o Yellow Benjy pensando em tudo no que o Joseph MPA ativista militante dos Black Panthers havia lhe dito, pensando que o Black Bnejy morreu querendo paz, ele decidiu não retaliar, mas pedir paz e um acordo entre as gangues.
Um fator que deve ter influenciado Benjy a escolher a pacificação, foi que com a morte do Black Benjy, lideres de gangues rivais foram se solidarizar aos ghetto brothers, pois o Black Benjy era muito conhecido no Bronx. E estes lideres de outras gangues também estavam dispostos a se juntos aos ghetto brothers para se vingar. Mas mesmo assim Benjy escolheu a paz.

Foi marcado um encontro na Hoe Avenue, várias gangues participaram desta reunião. Havia tanto líder de gangue que a policia, atiradores de elite e jornalistas estavam nesta reunião de pacificação. A policia estava para "proteger"com seus atiradores de elite, proteger nada tava esperando qualquer brecha pra sair matando e os jornalista para cobrir a tragedia.
Após horas de discussão neste dia e local foi assinado um acordo de paz entre as gangues.

Termo do Acordo.









Os elementos do Hip Hop já existiam antes de sua criação, eles são contemporâneo destas gangues, com o "fim" das tretas as gangues se tornaram algo obsoleto e passaram a desempenhar um papel social em sua região. 
Muitos dos membros destas gangues eram djs,b. boys, grafiteiros e etc com a integração e a mudança das gangues para crew o hip hop foi se formando e amadurecendo.
Por exemplo a gangue chamada "Black Spades" que após o tratado de pacificação passa a se chamar Zulu Nation, ela deixa de ser uma gangue e passa a ser algo que conhecemos aqui no brasil com "Posse". Todos sabem que o Afrika Bambaataa foi um dos criadores da Zulu Nation e do Hip Hop. Bambata era membro e líder dos Black Spades.

Já imaginaram se um membro dos Black Panther não tivesse ido ao Bronx e ter falado sobre consciência social e mostrado quem realmente era o inimigo e o Benjy não tivesse refletido e escutado ele, não haveria paz o Afrika Bambaataa nunca teria criado a Zulu Nation e muito provavelmente não existiria o Hip Hop.







Benjamim Melendez vulgo Yellow Benjy, foi fundador e membro dos Ghettos Brothers, tocou numa banda que tinha o mesmo nome de sua gangue, após sua saída se tornou assistente social e varias outras atividades. Durante anos viajou falando sobre as gangues e a importância delas não serem violentas mas ter um cunho social.

Benjy morreu recentemente vitima de câncer. 
Share this article

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Noticiário Periférico • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top