sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

"NEGROR" fecha temporada com dois espetáculos e um ato contra violência racial


Últimas apresentações acontecerão na Avenida Paulista e Praça da República, palco de um ato que reunirá artistas e lideranças.

O espetáculo “NEGROR” percorreu bairros periféricos da cidade de São Paulo com o objetivo de aproximar o público de um assunto pouco discutido: a relação da violência sistêmica do Estado brasileiro e o genocídio de jovens negros no Brasil.

Dia 23 de fevereiro, às 13h na Avenida Paulista (frente do Masp) e às 17h na Praça da República, o ator Sidney Santiago Kuanza e artistas do Selo Homens de Cor realizam o cortejo teatral de “NEGROR”, onde o público segue pelas ruas dois boxeadores negros que criam um universo alegórico a partir do tema proposto.

Após a última apresentação da peça, na Praça da República, haverá um ato contra a violência racial denominado “VIDAS NEGRAS IMPORTAM”, com a participação de artistas e lideranças negras, entre elas:

· Douglas Belchior, palestrante, conferencista, consultor para a área da justiça criminal, violência do estado e participante de articulações do Movimento Negro contra o genocídio da população negra.

· Salloma Salomão, músico, pesquisador, africanista e Doutor em História Social pela PUC de São Paulo. Foi também pesquisador visitante do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa.

· A Cia. Os Crespos, coletivo teatral de pesquisa cênica e audiovisual formada por atores negros.

Sobre “NEGROR”

Classificado como Peça-Panfleto-Itinerante, a ação do espetáculo é contínua e dividida por “assaltos”, já que usa a metáfora do boxe para ilustrar a questão

da violência. Dois lutadores de boxe, um juiz, uma moça do placar e um fotógrafo formam quadros vivos nas ruas, com procedimentos dramáticos e épicos, pequenos relatos de casos reais envolvendo o assassinato de meninos negros são compartilhados em uma estrutura narrativa transformada em depoimentos em primeira pessoa.

Ficha Técnica

Realização: Selo Homens de Cor Direção: Sidney Santiago Kuanza Performers: Pedrão Guimarães, Vítor Bassi, Larissa Nunes e Sidney Santiago Kuanza Fotografias: Pedro Jackson Contrarregra: Frederico Azevedo Produção: Adriano José e Sidney Santiago Kuanza Web designer: Rodrigo Kenan Redator: José Nabor Jr.

PROGRAMAÇÃO

23 de fevereiro, sexta-feira

13h – Avenida Paulista – Vão livre do Masp

17h – Praça da República (Centro)