quarta-feira, 7 de março de 2018

ELIANE DIAS, EMPRESÁRIA DO RACIONAIS MC’S, PARTICIPA DE RODA DE CONVERSA EM EVENTO DE ARTE NA PERIFERIA DE SP


Favela Galeria, museu de arte a céu aberto na zona leste, realiza dia de bate-papo, música e graffiti feminino. O evento é gratuito e aberto ao público.
São Paulo, março de 2018 – No dia 17, sábado, a partir das 11h, mulheres dedicadas ao graffiti e a música ocupam a Favela Galeria, premiado projeto de arte que transformou um bairro da zona leste em um museu de arte a céu aberto. Na ocasião, Eliane Dias, empresária do Racionais MC’s, participa de roda de conversa em um dia repleto de atividades feitas por mulheres e dedicado ao público feminino.
No roteiro do dia, além do bate-papo com a empresária, a Favela Galeria terá seu percurso de arte estendido com graffitis feitos por mulheres, artistas de diferentes partes da cidade. Além de conferir a live painting [pintura ao vivo], o público poderá participar de uma visita monitorada pelas ruas grafitadas, além de curtir uma tarde ao som da DJ Domenica Dias.
Intitulado “Ocupação Femi OPNI”, alusão ao grupo de graffiti OPNI, que faz a curadoria da Favela Galeria, o evento conta ainda com o lançamento de uma coleção esportiva feminina, a “Uniex by OPNI”, com peças estampadas por mulheres, principal inspiração para a arte desenvolvida pelos artistas do coletivo.
O evento realizado na Vila Flávia, no bairro de São Mateus, é gratuito e aberto ao público.
SERVIÇO:
Favela Galeria apresenta “Ocupação Femi OPNI no mês da mulher”
Data: 17 de março (sábado), a partir das 11h
Local: Favela Galeria – Rua Archangelo Archina, 587, São Mateus, São Paulo (SP)
Gratuito
Mais informações: contato.favelagaleria@gmail.com
Redes Sociais: instagram.com/favelagaleria ; Facebook.com/favelagaleriaopnicomvida


Sobre a Favela Galeria
Os muros do bairro ganham colorido diferente desde 2009, quando o projeto começou a ser desenvolvido. Em 2014, foi vencedor do na categoria “Territórios Culturais” do Prêmio Governador do Estado de São Paulo para a Cultura, quando o projeto era chamado “Galeria de Arte a Céu Aberto”. Já em 2016, a Favela Galeria foi uma das iniciativas contempladas pelo “Prêmio Almerinda Farias Gama”, da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial.
Com as intervenções artísticas da galeria a céu aberto, sob a curadoria do grupo OPNI, a pretensão é ressignificar um bairro estigmatizado e marginalizado, caso da comunidade Vila Flávia, localizada no bairro São Mateus, onde acontece o projeto.