terça-feira, 17 de abril de 2018

Dough lança o EP Memória



Produtor musical e beatmaker do sul de Minas Gerais lançou seu primeiro disco instrumental no último dia 9 de abril. Com seis faixas, a obra é uma fusão entre sentimentos e experiências musicada com jazz, batidas de rap, linhas de pianos e samples.

Após anúncio que agitou as comunidades de rappers e amantes da música instrumental na internet, Dough - apelido de Douglas Souza - lançou o EP Memória no último dia 9 na plataforma Youtube, principal site de distribuição de músicas do gigante Google. O disco está disponível no canal do Lab3 Estúdio, selo de gravação e produção musical que conta com artistas como Leopac Caradenojo e Robson Leve, tendo se tornado um dos principais estúdios de produção musical do Hip Hop da região, trabalhando com diversos artistas.

Dough é mais que um artista com um selo musical, é o próprio produtor do selo, tendo mixado e masterizado seu próprio disco. “Memória” pode ser considerado assim como o resultado da relação do músico como compositor e beatmaker de artistas do Hip Hop sul-mineiro e paulista, como os MC’s Leopac, Luafri, JP Sintonia, Sthefan Marvin e grupos como o Leve. “Sempre apreciei ouvir as batidas de rap, com a oportunidade de começar a produzi-las pude ver que a música instrumental é um outro universo, muito amplo e como os instrumentos se respeitam, quando se acerta em sua combinação, ambos levam tudo a um resultado incrível”, comenta Dough.

As seis faixas de “Memória” são uma obra completa. Com 14 minutos, o disco se permite abrir com a melodia estonteante de “Memória (Dias de Jazz)”, e caminha por notas de piano cada vez mais envolventes até a tensão de “Karma”, última faixa. O passado é trazido à tona regularmente; encontra-se referências ao jazz e soul dos anos 60 e 70, e ainda linhas de sintetizadores dos anos 80, como em “Flowers”, sem perder a contemporaneidade de um disco de hip hop. Dançante, elegante, sentimental, são alguns dos adjetivos em comentários na plataforma onde o disco pode ser ouvido. De fato, um disco à altura da relação de Dough com a arte e com a cultura.

O Sample
Um dos recursos explorados pelo artista foi o “sample”, o processo de recorte e colagem de trechos musicais sobre uma batida. Dough revela que muitas referências de jazz, rap e neo soul, se tornaram, samples de piano com melodias viciantes fundidas ao suingue das baterias de rap, que se pode ouvir no disco inteiro. ”Samplear é uma cultura, incentiva a pesquisa de músicas sem restrição de estilo te fazendo conhecer artistas que nunca imaginou, quando se ouve música procurando um determinado elemento em sua composição, você recebe o som com outra perspectiva. Cada música nova é uma surpresa”, completa Dough.

CAPA

Peça seu download gratuito do EP “Memória” pelo WhatsApp (35) 988 235 381. Ouça e baixe também no canal do Lab3 Estúdio no Youtube através do link: https://goo.gl/TjjKoB.

Saiba mais sobre Dough no Facebook e Instagram, nas contas oficiais @doughleve e @Lab3estudio.