segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Crianças do litoral foram destaque na Virada Sustentável 2018 em São Paulo.


O tema desse ano foi: São Paulo a nossa Cidade!

Nesse sábado (25), aconteceu na Rua Barão de Itapetininga no Centro de São Paulo, do lado do Teatro Municipal, a Virada Sustentável 2018, com o tema: "São Paulo a nossa Cidade!", que teve pelo 5º ano consecutivo o mutirão social, realizado pela Rede Social do Centro, que nasceu em 2010 e tem como objetivo envolver e incluir toda a população, em 5 anos já foram feitos mais de 500 mil atendimentos. O evento começou às 10 horas da manhã, com mais de 30 tendas de atendimento gratuito ao público em geral, por toda extensão da rua, seguindo até o final da tarde. A iniciativa teve o apoio da Prefeitura e do Governo do Estado de São Paulo, da OAB, LBV, entre outros apoiadores.
Nos palcos, mais de 12 atrações animaram o dia de sábado dos paulistanos: ballet, orquestra, cantores de diversos estilos musicais e localidades, depois do rap com Cacau Siqueira, a apresentação foi dos irmãos B-Girl Angel (8) e B-Boy Eagle (11), junto com B-Boy Dinamite (19) da Lions Beat Crew, grupo de Breaking do Litoral de São Paulo, da Academia On House. Os meninos vêm sendo vistos constantemente em grandes eventos da cultura Hip Hop, como Master Crews, Rival vs Rival, Quando as Ruas Chamam em Brasília, B-Boy World Classic, Breaking Combate, Festival do Café de Santos, Jam Session SESC, Cidade vs Cidade, sendo acompanhado não só pela mídia especializada, mas pela grande imprensa. Destaque para duas crianças: B-Girl Angel (8) que é a B-Girl mais nova do Brasil e está entre as 2 melhores do país na categoria Kids e o irmão B-Boy Eagle, ambos no próximo ano representam o Brasil na final mundial da Porto World Battle, em Portugal, na Europa! São de B-Boy Eagle as palavras: "Somos muito gratos por mais essa oportunidade que veio através do Almir Lima e por termos nosso trabalho reconhecido no Estado de São Paulo! Dançar é muito bom! Agora, dançar e levar arte e cultura numa iniciativa séria e necessária como essa para o nosso povo, nas ruas, no berço do Breaking no Brasil não tem preço! Que venham mais eventos como esse!".