segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Criando Criadores convida Preta Rara, KL Jay, Tássia Reis e Evandro Fióti para série de bate papos com agentes culturais da periferia


Os bate-papos do projeto Criando Criadores são gratuitos e abertos à participação de qualquer pessoa interessada em produção e empreendedorismo cultural a partir das periferias. Os encontros terão transmissão ao vivo pela página oficial do projeto no Facebook. 

Com o objetivo de trazer aos alunos e outros agentes culturais das periferias histórias de vida de artistas e empreendedores que são exemplos de alto impacto na cultura, o Criando Criadores, projeto de formação técnica em produção cultural, abre no próximo sábado um ciclo de bate papos inspiradores como parte do curso que acontece na Ocupação Cultural Mateus Santos, localizada no distrito de Ermelino Matarazzo, zona leste de São Paulo.

O primeiro encontro aberto à participação do público acontece no próximo sábado (18), às 15h e conta com a presença de Preta Rara, rapper, professora e ativista pelos direitos das empregadas domésticas e das mulheres pretas e gordas, pela quebra de padrões estéticos. Em 2017, ela lançou a web-série “Nossa Voz Ecoa” com entrevistas que abordam temas como cultura, estética negra, racismo, machismo, gordofobia, hip hop, entre outros assuntos. Atualmente ela está em processo de publicação do livro “Eu empregada doméstica”, título que se tornou um tema viral em 2016 ao publicar relatos de abusos e maus tratos a mulheres que atuam na profissão de diarista em uma página de Facebook.

O Criando Criadores é fruto de uma parceria entre a Cingulado, consultoria com foco em investimento social, o Movimento Cultural Ermelino Matarazzo e a ArcelorMittal, que patrocina o projeto por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. “Criando Criadores é um dos projetos selecionados pelo programa ArcelorMittal Forma e Transforma, que tem como objetivo principal promover o desenvolvimento local por meio da arte e da cultura. O programa está presente em mais de vinte comunidades dos estados de São Paulo e de Minas Gerais”, relata Eduardo Diniz, diretor da unidade da ArcelorMittal, que fica no bairro Jardim Keralux, em Ermelino Matarazzo.

Após a apresentação de Preta Rara, o Dj KL Jay, integrante do grupo Racionais MC´s será o próximo convidado do bate-papo inspirador confirmado para acontecer no dia 2 de setembro, às 17h na Ocupação Cultural Mateus Santos. Além de integrar um dos grupos de rap mais emblemáticos das periferias brasileiras, o artista também desenvolve projetos culturais independentes, no qual ele apresenta a cultura Hip Hop como elementos culturais importantes para a formação da sua carreira.

“A partir destes encontros nós buscamos inspirar e mobilizar agentes culturais da região de Ermelino Matarazzo, trazendo nomes importantes da cultura produzida nas periferias de São Paulo. Com isso, esperamos trazer mais consciência sobre o potencial da cultura como campo profissional e força de transformação social”, explica Daniel Prata, coordenador de comunicação do projeto.

O terceiro encontro recebe a cantora e compositora Tássia Reis, que tem participação confirmada no dia 15 de setembro. “Ao apresentar exemplos potentes de diversidade que inserem as periferias no cenário da produção e do empreendedorismo cultural, nós cumprimos com o nosso papel que é a mostrar a cultura como elemento transformador de territórios e pessoas”, finaliza Prata, citando a filosofia pedagógica do curso.

E para fechar o ciclo, com práticas em produção cultural, musical, gestão de carreira de artistas do hip hop brasileiro, Evandro Fióti também irá à Ocupação para trocar ideia com os alunos e agentes culturais no dia 22 de setembro, às 15h. Segundo os organizadores do projeto, esse encontro oferece a oportunidade de conectar os participantes com um profissional que transita em diferentes áreas da indústria cultural de forma simultânea, mostrando outras possibilidades de atuação por meio do empreendedorismo.


Sobre a Cingulado www.cingulado.com.br/
Com o propósito de entender, explicar, planejar, mediar e executar projetos de ativação social, desde 2013, a Cingulado trabalha em projetos especiais de comunicação e ativação social, oferecendo serviços de pesquisa, alinhamentoinstitucional, planejamento, avaliação de impacto, narrativas em vídeo e produção de eventos.

Sobre a ArcelorMittal Brasil - www.arcelormittal.com.br/
A ArcelorMittal Brasil é a maior produtora de aços longos e planos da América Latina. Faz parte do grupo ArcelorMittal, líder de aço e de mineração do mundo, com presença em 60 países e unidades industriais em 19 países. Guiado por uma filosofia para produzir aço de forma segura e sustentável, o grupo ArcelorMittal é o principal fornecedor de aço de qualidade nos mercados globais automotivo, de construção, eletrodomésticos e embalagens, com pesquisa e desenvolvimento de ponta e amplas redes de distribuição.

Sobre o programa ArcelorMittal Forma e Transforma - www.famb.org.br/
O programa ArcelorMittal Forma e Transforma, o cidadão construindo o amanhã, atua em prol do protagonismo cultural compensando às ausências nos territórios onde a ArcelorMittal está presente. Há mais de uma década promove a diversidade de práticas artísticas, tendo a cultura como um eixo de trabalho para inserção na sociedade, a favor da criação do senso de pertencimento, da dignidade e da cidadania. A ArcelorMittal acredita que o acesso a uma atividade regular de cultura, tem efeitos diretos no bem estar, na auto estima e na qualidade de vida.