segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Refúgios Musicais do Sesc Belenzinho recebe coral angolano de deficientes visuais

Divulgação

No dia 6 de dezembro, quinta, às 20h, o Vozes de Angola - coral de jovens com deficiência visual, imigrantes da guerra civil angolana – apresenta-se na Comedoria do Sesc Belenzinho, com ingressos grátis. 

O espetáculo faz parte da programação do Refúgios Musicais, projeto que promove apresentações com artistas refugiados e imigrantes, que se instalaram no Brasil e aqui desenvolvem seu trabalho e sua arte.

Vozes de Angola, que vem de Curitiba (PR), é composto por refugiados da guerra civil que assolou o país africano por mais de três décadas. São jovens angolanos com deficiência visual, vieram ao Brasil em busca de melhores condições de vida e, em 2015, depois de uma forte campanha junto à mídia, conseguiram o visto permanente para aqui permanecerem. Hoje, jovens adultos, contam e cantam suas histórias de vida em coro e motivam os presentes com seu talento.

Com um repertório eclético, o coral apresenta cantigas folclóricas em dialeto africano, música popular brasileira, gospel e composições autorais, cantadas à capela ou com o acompanhamento de teclado, violão e percussão. Suas inspirações vêm de nomes como Salif Keita, Brenda Fassie, Papa Wemba, Awilo Longomba, Elias Diá Kimuezo, Coral Jovem da África do Sul, Black Company, Michael Jackson, Milton Nascimento, Tim Maia e Roupa Nova, entre outros.

Ficha técnica - Amarilis Américo (Delfina): mezzo-soprano. Isabella D'Leon: soprano. Mila Cussama (Emília): mezzo-soprano. Manuela Reis (Rosa): mezzo-soprano. Prudêncio Jefferson: barítono. Rui Kelson: tenor. Viviane Kubo: regente e preparadora vocal. Jacob Cachinga: baixo e teclado. Márcia Machado: produtora.

Serviço

Show/coral: Vozes de Angola
Data: 6 de dezembro. Quinta, às 20h
Local: Comedoria (500 lugares)
Grátis. Não recomendado para menores de 10. Duração: 1h30

Sesc Belenzinho
Endereço: Rua Padre Adelino, 1000
Belenzinho – São Paulo (SP). Telefone: (11) 2076-9700