domingo, 9 de dezembro de 2018

Bia Fereira lança o single "Eu boto fé" com produção de BNegão

Foto: Hai Studio

Primeiro registro próprio da cantora e compositora, a música busca fomentar a esperança nas pessoas

São Paulo, dezembro de 2018 – Bia Ferreira lança o single “Eu Boto Fé”, com produção de BNegão. Com uma letra que busca fomentar a esperança nas pessoas, a música é a primeira gravada em estúdio pela cantora e compositora.

“’Eu Boto Fé’ surgiu da necessidade de mostrar que, apesar da diversidade de vivencia de cada indivíduo, da atual conjuntura política do país, com um atual governo golpista e a eleição de um governante fascista, e do retrocesso de direitos sociais, é possível despertar a fé para que possamos prosseguir”, explica Bia. Ela escreveu a faixa observando senhoras bem idosas voltando do trabalho e falando sobre seu expediente como faxineiras. Para a artista, é um absurdo ver idosos tendo a necessidade de trabalhar de forma tão pesada. A música vem de encontro com essa realidade, mas busca despertar a vontade de não desistir.

“Mostrei esse som pro BNegão e ele gostou muito. Sendo ele uma das vozes da revolução de uma geração anterior a minha, a nossa parceria é emblemática. Mostra que estou no caminho certo, que nossa luta é igual e que estamos lutando pela liberdade de expressão, lutando para que as pessoas possam ter fé, também através da liberdade religiosa”, comemora a artista.

“Costumo dizer que essa menina, Bia Ferreira, é uma das pessoas mais talentosas que eu já conheci, nestes meus últimos 46 anos de vida. É um acontecimento. E normalmente eu sei reconhecer um acontecimento. Desde que a ouvi em uma gravação ao vivo de ‘Cota Não é Esmola’, fiquei assombrado e emocionado pela capacidade musical, criativa, vocal e energética dessa criatura... isso sem contar as suas letras, que estão num patamar acima do normal, dentro da música brasileira. Filha de um pastor, ela nasceu para estar onde está e vejo nela uma capacidade de crescimento sem limites”, conta BNegão. “Por essas e outras, fico feliz demais de ser o produtor da primeira faixa de estúdio dela. Fico muito feliz em fazer parte dessa história, que está apenas começando”.


Ouça “Eu Boto Fé”:



FICHA TÉCNICA

Violão: Bia Ferreira

Baixo: Vinícius “Lezo” Nunes

Bateria: Heverton “Bili” Lima

Percussão: Pedro Amparo

Backing vocal: Doralyce Gonzaga

Produção Musical: BNegão

Produção Executiva: Raiany Fernandes

Técnico de gravação, mixagem e masterização: Pedro Garcia

Arranjos: Bia Ferreira, Vinicius Nunes, Heverton Lima, BNegão

Gravado no estúdio Cantos do Trilho, em Santa Teresa (RJ), em 2018



SOBRE BIA FERREIRA


Bia Ferreira é cantora, compositora e ativista. Define sua música como MMP: Música de Mulher Preta. Faz uso de sua música para educar, conscientizar e passar informações a respeito das demandas de luta do movimento anti-racismo no Brasil. Multi-instrumentista, trabalha com música desde 15 anos. Em ascensão no circuito independente, já participou do Pulso Redbull Music, do Vento Festival 2018 e faz shows ao redor do país. Gravou o Estúdio Showlivre e a música “Cota Não É Esmola”, da sua participação no Sofar Sessions Latin America, passou a marca de quatro milhões de visualizações no Youtube, tornando-se o vídeo mais assistido do projeto. Caetano Veloso fez um

post em seu Instagram dizendo que “(...) fiquei com vontade de pedir a todos os brasileiros para ouvirem Bia Ferreira, depois de tê-la ouvido pessoalmente cantar ‘Cota Não É Esmola’. E outras coisas mais”. Foi convidada a se apresentar no episódio de estréia do programa da Rede Globo “Amor & Sexo”, na temporada 2018. Além disso, Bia personifica Elza Soares no musical “Elza”, na temporada de São Paulo. Mesmo sem ter material completo lançado, foi indicada ao prêmio de revelação no Women Music Award 2018. Adendo: é a única preta indicada na categoria. Também foi indicada como revelação pela SIM São Paulo. E no momento, Bia se prepara para lançar seu EP de estréia, previsto para janeiro de 2019. 

Follow Us