segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Pantera Negra e Spike Lee fazem história no Oscar 2019

Creditos: Marvel616

Primeiramente, Fuck Donald Trump. 
Segundamente, #Elenão

Em 15 de fevereiro, estreava "Pantera Negra", um dos filmes mais importante dos últimos anos sem duvida!

Como sou fã de heróis negros, fui assistir na estréia e, não tenho vergonha de dizer que chorei no final da primeira vez que vi e me emocionou em todas as outras vezes que assisti o filme. Pantera Negra emana uma energia que só quem é negro pode sentir. É muito satisfatório assistir filme em que negros fogem de esteriótipos raciais.
O filme foi tão bem dirigido e pensado em seus mínimos detalhes, que foi a primeira vez que um filme da Marvel concorre em categorias que não sejam de animação. 
Pantera Negra é um filme "Teen", por tanto a acadêmia premiou os profissionais por "trás" do filme.
O filme que esta entre as 10 maiores bilheterias do cinema levou 3 estatuetas.

Ruth E. Carter: vencedora da categoria “Melhor Figurino”, por “Pantera Negra” (Frazer Harrison/Getty Images)

Jay Hart e Hannah Beachler: Hannah é a primeira mulher negra a ganhar o prêmio de “Melhor Design de Produção” (Frazer Harrison/Getty Images)

O filme também levou para casa o Oscar de “Melhor Trilha Sonora Original”. Quem pegou a estatueta a deste prêmio foi o compositor sueco Ludwig Göransson. Uma das músicas do filme (que estava indicada ao prêmio de “Melhor Canção Original”) é “All The Stars”, de SZA e Kendrick Lamar, mas quem acabou levando foi “Shallow”, de Nasce Uma Estrela.



Spike Lee é um dos cineastas mais geniais! Spike Lee vem não sendo reconhecido desde 1990, quando o filme "Faça a coisa certa" não foi indicado ao Oscar.

Porem após 3 anos que Spike ajudou a iniciar uma onda de boicote ao Oscar, umas das grandes premiações cinematográficas estadunidense, pela falta de representatividade na premiação, o diretor volta fazendo história. 
Spike Lee foi vencedor na categoria "Roteiro Adaptado" por seu filme chamado Infiltrado na Klan, que conta a história do policial Ron Stallworth (Negro) que, em 1978, conseguiu se infiltrar na Ku Klux Klan no estado de Colorado (EUA).

Estou ansioso pra assistir "Blackkksman" (Infiltrado na Klan)
Em seu discurso no Oscar 2019, Spike Lee celebrou sua ancestralidade e sua história:
“A palavra hoje é ironia. Hoje é 24 de fevereiro, o mês mais curto do ano. Também é o mês do ano da história negra. 1619... Há 400 anos nós fomos sequestrados da África e trazidos para a Virginia, escravizados. A minha avó, que viveu até 100 anos de idade, apesar de sua mãe ter sido escrava, conseguiu se formar. Ela viveu anos com seu seguro social, e conseguiu me levar para a universidade NYU. Diante do mundo, eu gostaria de reverenciar os ancestrais que construíram esse país, e também os que sofreram genocídios. Os ancestrais que vão ajudar a voltarmos a ganhar nossa humanidade. As eleições de 2020 estão chegando, vamos pensar nisso. Vamos nos mobilizar, estar do lado certo da história. É uma escolha moral. Do amor sobre ódio. Vamos fazer a coisa certa”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow Us