NOTICIÁRIO PERIFÉRICO

O clipe "Sr. Agente", dos angolanos Psykoh e Genial critica a violência policial no pais


Com um som numa pegada bem Trap, os rappers angolanos Psykoh e Genial soltam versos sem nenhum pudor sobre como funciona o modus operandi dos agentes da lei em Angola.

Pra geral ver e entender que policia é policial em qualquer lugar, na diáspora a polícia é treinada para oprimir pobre e principalmente as pessoas pretas, mas em Angola, a população esmagadoramente é preta. Portanto a discriminação está ligada aos estereótipos étnicos e sociais. Por exemplo: esses agentes da lei são muito conhecidos por reprimir, agredir e tomar as mercadorias das Zungueiras. As vendedoras ambulantes em Angola levam esse nome, no Brasil no período colonial, elas tinham esse nome, mas também eram conhecidas como Quitandeiras. E os rappers abordam que os policiais são pessoas comuns como toda a população e não deveriam agir como se fosse superior. 
O clipe além de conter cenas de agressões policiais, conta com cenas interpretadas pelo grande ator angolano, Silvio Nascimento.

Confira:


Postar um comentário

0 Comentários